Você é uma pessoa Chakhada (착하다)? Conheça a expressão coreana!

Quando encontramos alguém pela primeira vez, geralmente a primeira coisa que analizamos é o caráter dessa pessoa.
Podemos dizer se essa pessoa é boa ou má, amigável ou rude, agradável ou desagradável. Se essa pessoa é boa, simpática e agradável, a palavra que poderia melhor descreve-la na Coreia do Sul é chak he (착해요), como um adjetivo e chakhada (), na sua forma infinitiva.

É provavelmente a terminação mais comum que as mães coreanas usam quando se referem a outras pessoas que são agradáveis. Os antônimos seriam nappeuda (pessoa má) ou a forma negativa da palavra original: anchakhada, chakhaji anta e chakhaji motada (alguém que não é nada bom).

 

chakada-jumin-bts-1

Neomu chakhada? 너무 착

Naturalmente, como em toda a sociedade moderna, os muito “simpáticos” estão associados com os “inocentes” e, portanto, a utilização desta palavra também pode ser interpretada de forma “negativa”.

Para casos extremos existe o termmo neomu chakhada, que significa “bom demais” e denota falta de caráter na pessoa. Uma pessoa neomu chakhada é considerado “imprudente” e fácil de enganar.
As pessoas mais jovens preferem não serem rotuladas como chakhada, porque sentem que são vistos como “de mau gosto ou falta de personalidade e caráter.”

São utilizados termos de adaptações a situações específicas como: chinjeolhada e baeryeosim itda, que significam “amável” e “querido”, respectivamente.

Novos usos do termo

Embora pareça cada vez mais obsoleta o termo continua a ser popular. Nos anos 2000 os coreanos começaram a aplicá-lo em coisas inanimadas. Por exemplo, gagyeok chakhada para dizer que “o preço é bom” ou mommae chakhada para indicar que “tem um bom corpo”.

20150713_02_01

Não seria mau trazer para “a moda” as pessoas chakhada. Você não acha?

Tradução por Naira Nunes
Fonte: Xiahpop + Korea.net

Publicitária, redatora e diretora de arte, sou CEO e fundadora da KoreaIN, a primeira revista brasileira sobre música e cultura asiática.