Quem são os grupos que fazem 5 e 10 anos de carreira em 2017?

Todos os anos os grupos de K-pop comemoram aniversário do início de suas carreiras, celebrando mais um ano completado com sucesso entre infelizes ocasionais disbands. Por isso, existem alguns números mágicos que mostram o sucesso do grupo em continuar na ativa fazendo músicas, alegrando aos fãs e a eles próprios por continuarem a fazer o que sonhavam. Uma dessas marcas é a dos 5 anos, quando o grupo já deixa de ser rookie completamente e pode comemorar a meia década de existência. A outra marca é a de 10 anos, quando celebram de fato uma década de atividades, estabelecendo-se por completo. Claro que isso, infelizmente, não deixa o grupo invulnerável a um disband, mas ao menos é mais certeza de que o seu nome entrará para a história.

Por isso, vamos celebrar aqueles grupos que debutaram em 2012 e 2007, listando alguns desses grupos que ainda estão na ativa para chegar em um destes marcos esse ano

2007

O ano de 2007 foi único para a primeira geração de K-pop, não só pelas músicas, mas também pela forma como os grupos que surgiram fizeram história nos anos seguintes. Não só é garantido que todo kpopper conheça pelo menos um grupo que tenha debutado nesse ano, como existem debuts que foram hits a ponto de até hoje serem tocados nas playlists. Outra coisa incrível é que, embora na época menos grupos fossem criados, houveram apenas 8 debuts e eles continuam com força até hoje, tendo apenas 3 disbandados nesse meio tempo: o trio misto 8Eight, que acabou em 2014, com o fim do contrato dos integrantes com a BigHit Entertainment, o KARA, que sofreu o chocante disband no ano passado e recentemente o Wonder Girls, que anunciou sua despedida para o mês de fevereiro.

 

Wonder Girls

Nada como começar uma pequena volta pelo tempo com o grupo conhecido pelos seus conceitos de músicas que remetem aos anos 60, 70 e 80. O grupo debutou já nesse conceito com Irony, e  se destacou no primeiro comeback, quando Tell me afetou a Coreia profundamente, se tornando altamente conhecida pelos coreanos, inclusive com uma coreografia viral repetida por várias pessoas na TV e em vídeos do Youtube (Você deve conhecer o: OMONA!). Originalmente formado por SoHee, HyunA, YeEun, SunYe e SunMi, o grupo teve algumas mudanças em suas integrantes ao longo dos anos. Logo depois do debut, Hyuna saiu a pedido de seus pais preocupados com a sua saúde e foi substituída pela rapper Yubin. Em 2010, Sunmi decidiu sair para seguir sua carreira acadêmica, entrando Hyerim em seu lugar. Entre 2012 e 2013, duas outras integrantes saíram: Sunye, para se casar e trabalhar como missionária com seu marido, e Sohee, que assinou com a Big Hit para focar na carreira de atriz. Na mesma época, foi anunciado o retorno de Sunmi ao grupo, deixando com 4 integrantes. Com as mudanças, veio uma restruturação do grupo, que deixou de ser um girlgroup focado apenas em dança para serem uma banda com as integrantes tocando instrumentos. Lançaram o álbum Reboot com a música título I Feel You, que manteve as raízes do grupo no estilo saudosista. A música mais recente é de julho de 2016, Why So Lonely.
Infelizmente, para o kpop, e felizmente para o desejo pessoal das garotas, o grupo anunciou o fim de suas atividades como Wonder Girls em janeiro.

F.T Island

A banda da ilha dos cinco tesouros, ou melhor, F.T. Island (sigla para Five Treasure Island) é o grupo mais antigo da FNC Entertainment, empresa que surgiu não muito antes do próprio grupo. Mesmo sendo de uma agência nova, F.T. Island debutou com um sucesso: Love Sick ficou no topo dos charts coreanos por 8 semanas consecutivas. No ano seguinte ao debut, o guitarrista Oh Won Bin saiu do grupo e foi substituído por Song Seung-hyun. Mas depois disso, o grupo não teve mudanças e continua com essa formação até hoje. F.T. Island tem sucessos na Coreia e no Japão, onde já fizeram até colaboração com o vocalista do One Ok Rock, Takahiro Moriuchi, na música Primavera (sim, isso não foi traduzido, na explicação original, o nome tem origem do latim, mas a escrita e o significado são os mesmos da palavra em português). A discografia da banda é extensa. Já são 15 álbuns completos, 8 mini-álbuns e vários singles e OSTs em coreano e em japonês. O comeback mais recente na Coreia foi o rock Take Me Now, que ficou em 5º no chart da Billboard de álbuns mundiais, a melhor posição do grupo.

Girls’ Generation

Girls’ Generation, Sonyeo Sidae, GG, SNSD. São vários nomes e apelidos para esse grupo que ficou conhecido como um dos girlsgroups da nação. O debut, com Into the new world, virou um clássico do K-pop, mas nem tão instantaneamente. Foi com o sucesso do grupo nos anos seguintes que as músicas anteriores voltaram à tona, sendo hoje muito praticadas e repetidas por grupos rookies. O sucesso de Girls’ Generation veio dois anos depois, com a icônica Gee, nomeada pela Melon como a música mais popular de toda a década dos anos 2000. Em abril de 2015, o grupo virou o primeiro girlgroup do mundo a ter 4 MVs com mais de 100 milhões de visualizações no Youtube, com Gee, The Boys, I Got A Boy e Mr. Taxi, sendo que no ano seguinte Oh! também chegou a essa marca. E esse é apenas 1 dos vários recordes que o grupo colecionou ao longo da década. Mesmo com a polêmica saída da Jessica em 2014, isso não afetou negativamente nem o grupo e nem a Jessica, que pôde fazer seu debut solo e com sucesso. SNSD mantém seu status que não é abalado mesmo com o crescimento da popularidade de girlgroups mais jovens.

SunnyHill

Surgindo no cenário do K-Pop como um grupo misto, com 3 garotas (Jubi e Seungah) e 1 garoto (Janghyun), SunnyHill mostrou que é possível fazer sucesso com um grupo misto, depois que seu álbum de debut Love Letter, com faixa título Ring Back Tone, ganhou prêmio de Excelente álbum de um novato. Logo depois do primeiro comeback, 2008 My Summer, o grupo passou por um período de hiatus sem novos comebacks, fazendo apenas OSTs. Depois disso, anunciaram a troca de empresa, da For Everyone Media para a Nega Network, e junto a entrada de uma nova integrante, Kota. Logo depois o quarteto teve seu primeiro trabalho fazendo uma participação na música solo da Narsha, Mamma Mia e em seguida a entrada de mais uma integrante, Misung. A primeira música do SunnyHill como um quinteto foi Pit-A-Pat, OST do drama The Greatest Love, que foi bem nos charts coreanos e ficou conhecida. Depois disso eles trocaram de empresa mais uma vez, para a LOEN Entertainment, onde lançaram sucessos como Midnight Circus, Pray e The Grasshoppers. Em 2012, Janghyun anunciou seu alistamente obrigatório, e ficou de fora das promoções do grupo, que passou a promover como um quarteto girlgroup. Após sua volta, ele participou do comeback Don’t Say Anything, mas logo em seguida saiu oficialmente para seguir a carreira de produtor e o SunnyHill continuou a promover como um girlgroup de fato, ao invés de grupo misto. A música mais recente delas é de agosto do ano passado, On the Way Home.

Supernova

O boygroup de 6 integrantes formado pela MNET Media debutou em setembro de 2007 com o álbum The Beautiful Stardust, com a música título Hit. Ao longo da carreira eles fizeram parcerias, como a com as integrantes do T-ARA na música épica T.T.L (Time To Love), e também tiveram individualmente singles solos e papeis de atuação em dramas e sitcoms. Como um grupo musical, eles continuam lançando músicas novas, embora a carreira do grupo tenha sido construída principalmente em músicas japonesas, onde já lançaram 7 álbuns originais e 6 álbuns de compilação de melhores músicas, sendo o mais recente do ano passado. Em maio de 2016 os 4 integrantes mais novos do grupo se alistaram no serviço militar obrigatório. E, enquanto isso, os dois mais velhos que já cumpriram seu tempo no exército vão lançar um mini álbum agora no início do ano.

Tritops

O boygroup surgiu com 3 integrantes, Hyungmoon, Yoojoon e Ilgoon, pela Joo Paramount Media. O debut foi com a música Green Frog (ou Tree Frog), do álbum Boorish Love. O trio também sofreu diversas mudanças de agência. Primeiro eles trocaram, em 2009, para a DoReMi Media, onde Ilgoon logo saiu para virar cantor solo, apesar que, mesmo ainda no grupo, os outros dois também tiveram carreiras solos com lançamento de músicas e atuações em dramas. Os demais continuaram como duo até que adicionaram um novo integrante, Woogoon. Em 2012, em outro mudança, foram para a Simtong Entertainment e no ano seguinte Ilgoon retornou ao grupo, formando agora um quarteto. E em 2014 eles trocaram de novo para a Van Leader Entertainment, onde continuam como um boygroup de 4 integrantes. Mais recentemente o grupo tem conseguido mais destaque devido a grande capacidade vocal de seus integrantes. O último comeback deles, de 2015, foi Sorry that I’m ugly.

 

2012

O ano de 2012 já mostrou um aumento significativo de grupos a terem debutado, se comparado a 5 anos antes. Foram 35 debuts naquele ano e, para a alegria dos fãs, também são muitos que continuam ativos, sendo 12 disbands e 23 grupos ainda promovendo e fazendo novas músicas.

24K

Já conhecidos dos kpoppers brasileiros depois da turnê deles por aqui no final do ano passado, o 24k debutou pela Choeun Entertainment com o mini-álbum e single Hurry Up no dia 6 de setembro de 2012. As músicas do grupo tem costume de incorporar vários estilos ao seu som, como dubstep, música eletrônica e trance. É também característica comum de várias de suas faixar serem músicas animadas e bem energéticas.

AOA

As Ace Of Angels começaram com um grupo de 8 integrantes que promoveria ao mesmo como girlgroup com as coreografias e como banda, com parte das integrantes tocando instrumentos, sendo uma delas, a Youkyung, tendo o apelido de “half-angel” porque ela não cantava, mas tocava bateria na sub unit das participantes da banda, o AOA Black. Desde o ano passado ela saiu oficialmente do AOA depois do fim do seu contrato, mas foi anunciado que ela poderia voltar em atividades futuras do AOA Black temporariamente. As outras 7 integrantes, consideradas pelo conceito de anjos como “anjos completos”, possuíam nomes de sua “indentidade de anjos”. Seolhyun é Seolhyunari, Choa é Choaya, Hyejeong é Hyejeong.Linus, Chanmi é Chanmi Titi, Yuna é Yunaria, Mina e Minaring e Jimin era Jiminiel. Seguindo esse conceito de debut, a primeira música delas foi Elvis, com a “queda” delas para poderem cantar no nosso mundo.

B.A.P

O grupo conhecido por ter uma imagem “selvagem” e músicas cheias de adrenalina, que contrastam de vez em quando com singles de cute concept para confundir qualquer um, B.A.P é outro que surgiu com um conceito único de grupo. Já no pré-debut eles lançaram um reality do grupo mostrando a história que os 6 integrantes, Youngguk, Youngjae, Daehyun, Himchan, Jongup e Zelo, seriam alienígenas que vieram para a Terra para salvar seu planeta natal, o Planeta Mato. Não a toa, os dois primeiros singles do grupo usam essa ideia de guerreiros de outro mundo em Warrior e Power, e cada um ainda possui um “Matoki”, um coelho de mascote que reflete a personalidade de cada integrante. Em 2014, o grupo se juntou para processar sua agência, TS Entertainment, por condições injustas de distribuição de lucro do seu trabalho. Depois de quase um ano de discussões, as duas partes entraram em um acordo e o B.A.P continuou na TS Ent, e não muito depois tiveram seu comeback com Young, Wild & Free.

EXID

EXID foi um grupo montado pelo produtor musical Shinsadong Tiger na AB Entertainment, sendo a maioria antigas trainees da JYP, com uma formação diferente da qual o grupo ficou conhecido. O grupo se formou primeiro através da Yuji, que chamou outras 3 antigas colegas trainees da JYP, Hani, Haeryeong e Junghwa para a AB. O Shinsagond Tiger ainda recrutou a rapper underground e compositora Elly, ou LE, como agora é conhecida, e juntou com a já trainee da empresa Dami. As 6 debutaram com o single Whoz that girl, mas não muito tempo depois Yuji, Dami e Haeryeong saíram do grupo e da empresa, cada uma com um motivo, e acabaram debutando novamente pela YNB Entertainment no BESTie no ano seguinte. Com a saída das três, a empresa adicionou duas novas integrantes, Solji, que era treinadora vocal, e Hyelin, que havia sido considerada pro grupo mas não entrou na linha original do grupo. Já com o novo quinteto, elas lançaram I Feel Good. O grupo passou por problemas por não conseguir o sucesso sonhado refletido no nome do grupo, “EXceed In Dreaming”, e corriam o risco do disband, que conseguiram escapar graçar a viralização de uma fancam da Hani durante uma performace de Up & Down. Depois disso, elas continuaram na ativa e com sucesso em todos os comebacks seguintes. Um fato curioso é que a maknae Junghwa apareceu no MV de Tell Me, das Wonder Girls, quando tinha em torno de 11-12 anos.

EXO

Um dos debuts mais esperados daquele ano, sem dúvidas, era do novo boygroup da SM Entertainment, EXO. O grupo teve direito a mais de 20 teasers e 2 músicas de pré-debut, What is Love e History, tudo em preparação para o lançamento oficial do grupo com MAMA. O inovador de EXO foi a divisão do grupo em 2 partes de 6 integrantes, um deles, EXO-K, que promoveria as músicas em coreano, e a outra metade, EXO-M, em mandarim. Essa divisão acabou não durando depois da saída de 3 de seus integrantes chineses do EXO-M a partir de 2014. O grupo, agora com 9 integrantes, promove junto, mas ainda fazem versões de suas músicas nos dois idiomas. E, claro, em um ano com grupos que surgiram com histórias e personagens altamente criativos, EXO não ficou de fora, com um conceito de definia cada integrantes como representante de uma força da natureza e seus respectivos poderes.

Fiestar

Hoje companheiras de agência do SunnyHill, Fiestar passou por um longo período de pré-debut, cada uma de suas integrantes passou por uma média de 4 anos como trainee e as seis, na formação original, treinaram juntas durante mais 2 anos. Também nessa época elas lançaram um dueto com a IU, Sea of Moonlight, para a coletânia de comemoração da LOEN. Em agosto elas debutaram oficialmente com Vista, com um MV que teve participação do Junsu. Em 2014, Cheska saiu do grupo, mas não foi substituída, deixando o grupo como um quinteto. O grupo continuou fazendo músicas novas regularmente, sendo a mais recente Apple Pie.

NU’EST

Antes de debutarem, o rosto dos integrantes do Nu’est já eram conhecidos por quem acompanhava o After School e o Orange Caramell, da Pledis Entertainment. Isso porque eles eram dançarinos de fundo em alguns MVs e performances dos grupos. Eles chegaram a aparecer também, já com a identidade visual do grupo, no MV do Hello Venus, companheiras de agência que debutaram no mesmo ano. O debut do Nu’est, Face, foi icônico a ponto de ter sido, por muito tempo, o MV de debut mais visto de todo o K-Pop. Esse número só foi superado recentemente, em março do ano passado, pelo Twice, o que ainda deixa Face em 2º com mais visualizações e também continua como o debut de boygroup mais visto.

VIXX

O first boygroup da Jellyfish Entertainment foi decidido através de um reality de eliminação MyDOL. No show os candidatos eram selecionados conforme a votação do público com base na performace deles no show. Ao final do programa, 6 dos 10 trainees participantes formaram o VIXX, cujo nome também foi decidido por votação. Após essa escolha no reality, o grupo debutou em maio, com Super Hero. Ao invés de se destacarem por ser um grupo com alguma imagem específica, o VIXX ficou conhecido por cada música ter um conceito bem formulado, juntando letra, harmonia, coreografia e MV para contar uma história.

 

Menções honrosas

Já que são muitos grupos debutados em 2012 e que continuam por aí, o que é bom, não daria para falar detalhadamente de todos eles. Mas, para não deixar ninguém de fora, vale a lembrança aqui dos outros grupos que continuam oficialmente como um grupo até hoje: 100%, 15&, A-Jax, BigStar, BtoB, Crayon Pop, Cross Gene, Hello Venus, Lunafly, Mr.Mr., Phantom, Spica, Tahiti, Tasty e Two X.

Imagem 2

Por Paula Bastos Araripe
Fontes: Youtube, Koreaboo, Kpopinfo wikia, Allkpop
Não retirar sem devidos créditos