4 dramas que talvez você tenha deixado passar em 2016

04Mais um ano se passou, e aguardamos com ansiedade os próximos dramas que virão, porém é sempre bom dar uma olhadinha nos dramas do ano passado, por isso a KoreaIN separou pra vocês os dramas que não foram tão populares como os outros, mas que ainda assim são igualmente bons. Também demos preferência pros dramas mais “light”, pra vocês se apaixonarem e darem muitas risadas, com exceção de um nessa lista. Vem com a gente conferir essa lista!

Jealousy incarnate

Sinopse

Pyo NaRi (Gong HyoJin) uma garota do tempo e Lee HwaShin (Jo JungSuk) um âncora de telejornal, são colegas de trabalho a muito tempo na emissora SBC. Lee HwaShin foi o crush de NaRi por três anos, mas as coisas mudam quando ela encontra o homem perfeito Go JungWon (Go KyunPyo) um homem rico que é o melhor amigo de HwaShin. Quando HwaShin perceber seus verdadeiros sentimentos, será tarde demais?

Comentário rápido:

Esse drama foi tão legal de assistir, soltava gritinhos como uma adolescente a cada frase que um dos dois dava. A química entre os três funcionou muito bem. Sem contar que ele te ajuda a criar esperança que um dia aquele seu crush um dia irá se tornar realidade, tenham fé pessoal! Não costumo rever dramas, mas esse com certeza é o tipo de drama que eu sei que daqui algum tempo estarei revendo. Vale cada episódio, além de conscientizar sobre um assunto muito importante e quase não falado o câncer de mama em homens.

 

Something about 1%

Sinopse

Esse drama é um remake de um versão de 2003 com o mesmo nome. Lee JaeIn (Ha SeokJin) é lindo, é inteligente e pertence a uma família rica, porém é muito arrogante também. Para receber sua parte na herança, seu avô cria uma condição na qual JaeIn tem que participar de um contrato de noivado por 10 meses com uma professora de primário que ele nunca a viu na vida. Eles tinham 99% de chances de nunca terem se encontrado se não fosse por essa circunstância, mas aquele 1%…..

Comentário rápido:

Esse drama é leve, é do tipo pra você sentar e relaxar e não se dar conta do tempo passando, o que eu mais gostei dele foi que os episódios são curtinhos. A história parece ser clichê, mas é um clichê bem feito. É o tipo de história da Cinderela, mas não tão forçado. Adorei cada episódio.

 Another Oh Hae Young

Oh Hae Young (Seo HyunJin) está prestes a se casar, quando o seu noivo aparentemente sem motivos resolve terminar tudo com ela. Porém o que ela não sabe que o culpado foi Park DoKyung (Eric), após tê-la confundido com outra Oh HaeYoung, sua ex-noiva que o deixou no altar no dia do seu casamento, para se vingar ele acaba mirando a pessoa errada. Aí a confusão está feita.

Comentário rápido:

Foi tão divertido assistir esse drama, o cereja do bolo foram as partes quentes, e como tiveram. Eric arrasou!

“Pare de pensar nisso.”

The good wife

Sinopse

Este drama é uma adaptação do seriado americano de mesmo nome, que conta a história de uma dona de casa formada em direito que se vê obrigada a retomar a carreira depois de muitos anos fora do mercado, após o seu marido ser preso acusado de receber propina de uma grande companhia. Com os bens confiscados e filhos para criar ela luta pela sobrevivência e também para descobrir a verdade sobre o seu marido.

Comentário rápido:

Diferente dos dramas citados acima, esse é com o teor mais dramático e mais adulto também, o coloco com um marco nas produções coreanas, pelo fato que pela primeira vez eu vi um drama em que uma mulher é atriz principal, em que todo o roteiro e todos os episódios giram em torno dela, ela que salva e serve de apoio para o seu marido e não ao contrário. E sem contar a ousadia de colocar uma mulher como bissexual e ainda por cima que fosse uma idol, Nana está de parabéns por ter assumido esse risco.

“Colocar as pessoas para baixo não faz você subir mais alto.”
“Você trai outros e outros traem você, também.”

Por Lorena Tarabauka
Não retirar sem devidos créditos