BTS impressiona na música e no português: “Vamos voar mais alto juntos!”

Ontem (19), os fãs do BTS puderam mais uma vez expressarem seu amor pelos garotos, que ficaram muito emocionados com o momento. Após longas horas de espera em uma fila de quilômetros, os Armys tiveram a oportunidade de ouvir as músicas do álbum WINGS e os singles ‘Not Today’ e ‘Spring Day’ do repackeged ‘You Never Walk Alone’.

Logo de começo a sequência ‘Not Today’, ‘Am I wrong’, ‘Baepsae’ e ‘Dope’ fizeram o público saltar e gritar muito, acabando por se apertarem contra a grade. No primeiro break cada integrante se apresentou e o Rap Monster, o líder, pediu para que os fãs não ficassem se empurrando. Na sequência seguinte, como se fosse mágica, a maioria do público da Pista Premium havia se dispersado ao longo do espaço, para curtirem o show confortavelmente.

As performances solo trouxeram o talento particular de cada um dos integrantes. Jungkook se apresentou com ‘Begin’, num stage que misturava suas habilidades vocais e seu estilo de dança. Jimin impressionou com ‘LIE’, cujo as apresentações apenas haviam sido vistas pelos fãs na internet. A partir daí, os Armys foram imersos em um dos momentos mais pesados da noite, quando puderam ouvir ao vivo Suga cantando ‘First Love’, uma de suas produções para o álbum mais recente do grupo. A música trouxe uma carga nostálgica, em que ele fala de sua infância e juventude. O rapper se emocionou com o feedback dos fãs durante o stage.

https://twitter.com/koreainmz/status/843610124539383808

Após apresentações impecáveis de ‘LOST’, ‘Save me’ e ‘I Need U’, Rap Monster retornou os solos com ‘Reflection’, criando um stage memorável com uma estrutura impactante. Foi então a vez de TaeHyung, que cativou a todos com sua voz extremamente profunda, de tons graves e sentimentais.

https://twitter.com/koreainmz/status/843615321235820544

JHope, tão adorado pelos brasileiros, nos transportou para 2006, levando para os telões e para o palco toda a sinceridade de sua vida. Apresentando ‘MAMA’ com imagens da sua infância nos telões e letras de gratidão pelo apoio contínuo de sua mãe aos seus sonhos. O público arrancou dele um sorriso maravilhoso enquanto cantavam em uníssono o refrão da canção.

 

Jin emocionou a todos cantando ‘Awake’. Por todos os lados se viam fãs aos prantos, tocados pela belíssima letra da canção, que fala sobre nunca desistir, persistir mais um pouco e correr atrás de seus sonhos.

Um novo clima surgiu quando a Rap Line subiu ao palco com Cypher PT4, fazendo todos saltarem em seus lugares gritando muito alto ‘I Love myself’. Logo após engatando ‘Fire’ com o seu “beoltorunae”, incendiando o stage.

Os garotos surpreenderam a todos quando deixaram o conforto de ter um intérprete de coreano para aprenderem português e conversar com os fãs. Eles perguntavam se os Armys estavam gostando do show, elogiavam a animação de todos e agradeciam por estarem ali, tudo em um português completamente compreensível.

A sequência ‘N.O’, ‘No More Dream’, ‘Boys In Love’ e ‘Danger’ reviveram os tempos áureos em que Jungkook e Taehyung também faziam rap. Fomos surpreendidos com a evolução da técnica deles, com destaque para Jungkook que fez um trabalho memorável.

O show trouxe momentos leves como em 21 CENTURY GIRLS, em que os fãs interagiram com os cantores e coreografaram a música.

Logo após atenderam às expectativas dos fãs com uma performance fascinante de ‘Boys Meet Evil’, com JHope, e ‘Blood Sweat and Tears’. Encerraram o show com a melancolia de ‘2!3!’, ‘Spring Day’ e a animadora canção ‘WINGS’, enlouquecendo toda a audiência. Na primeira, foram homenageados com um projeto de faixas que tem acontecido por todos os lugares que eles passam.

https://twitter.com/koreainmz/status/843664739632926721

Ao final do show, agradeceram as fãs em português. Falando sobre como estavam felizes e se sentindo bem por fazerem o show no Brasil. Jungkook disse: “Espero ver vocês mais vezes. Agora estou muito feliz.” Suga disse que “O Brasil sempre me deixa boas lembranças. Tá Bom?”, quando todos responderam “Tá Bom!”. JHope ganhou a todos perguntando se todos continuariam a amar o BTS sempre e disse “Nós vamos voar mais alto juntos!”.

Todos deixaram o Citibank com palavras como “impressionante”, “incrível”, “o melhor show da minha vida” e com a certeza de que estavam ainda mais apaixonados pelo grupo que um dia conheceram pela Internet.

 

Por Naira Nunes
Imagens Naira Nunes
Não retirar sem os devidos créditos.