Youtuber mostra reação dos coreanos à homem agredindo namorada no meio da rua

A cena não é algo exclusivo de um país, certamente você já viu este teste no Brasil e sabemos que muitos brasileiros seguem a política “em briga de marido e mulher, não se mete a colher”. Apesar disso algumas coisas estão mudando, não apenas aqui, mas no mundo. Porém, e os coreanos? Como eles reagiriam ao ver uma mulher sendo agredida pelo seu companheiro na rua? Confira a tradução do artigo do portal ALLKPOP.

Namoros abusivos se tornaram um problema sério na Coréia. Para abordar e conscientizar, um canal do YouTube decidiu realizar um experimento na esperança de descobrir como as pessoas reagiriam ao testemunhar uma interação violenta.

Surpreendentemente, os resultados foram bastante chocantes como você pode ver no vídeo acima.

Em 12 de maio, um canal do YouTube chamado “THE PONGS” postou um vídeo com um casal atuando em um cenário de namoro abusivo.

No vídeo, um homem e uma mulher estavam de pé frente a frente no meio de uma rua movimentada, enquanto o homem, que estava interpretando o papel de namorado, estava levantando a voz para ela.

“O que eu fiz errado?”, a namorada perguntou quando o namorado exclamou: “Você quer ser atingida de novo?”, levantando o braço.

A moça então diz: “As pessoas estão olhando para nós”. No entanto, o homem ignorou seu comentário e disse: “Você quer morrer?”.

Apesar de a discussão acontecer no meio da rua e escalando para o abuso físico, os pedestres apenas olhavam de longe, e não ajudavam, não querendo se envolver na situação do casal.

Logo, a briga verbal se transformou em abuso físico e as pessoas ainda se recusaram a interferir, e em vez disso se afastaram do casal mesmo com a briga se intensificando.

Depois de algum tempo, um homem que parecia ser um estudante caminhou até o outro rapaz com coragem e repreendeu o namorado de suas falhas dizendo: “Não é certo bater em uma mulher.”

O homem continuou: “Não é certo fazer isso a nenhuma mulher, o homem tem que mostrar respeito à mulher”.

O vídeo ilustrou o aspecto crítico do problema, os registros mostram mais de 600 incidentes envolvendo abusos em relacionamento que foram reportados nos últimos cinco anos. Especialmente os homens entre 20 e 30 anos foram os principais acusados, com 80% das mulheres sendo as vítimas.

Graças a essa experiência, muitos estão se tornando mais conscientes sobre o abuso em relacionamentos.

Tradução e adaptação: Amanda Soares
Texto original: Allkpop
Não retirar sem devidos créditos

O Portal KoreaIN é dedicado a divulgar todo tipo de informação e noticia sobre a Coreia do Sul e sua cultura.