Em encontro histórico, líderes coreanos buscam a paz entre Coreia do Sul e do Norte

Crianças entregam flores a Kim Jong-un durante encontro com o líder do Sul, Moon Jae-in | Reprodução de DW/GettyImages

Na manhã desta sexta-feira do dia 27 (no horário da Coreia do Sul) o presidente sul-coreano Moon Jae-in e o líder norte-coreano Kim Jong-un fizeram história em Panmunjeom, Coreia do Sul, fronteira com a Coreia do Norte.

Em um encontro diplomático e cheio de expectativas, os líderes coreanos conversaram sobre a possível desnuclearização da Coreia do Norte e redigiram uma declaração conjunta, onde asseguram que trabalharão unidos pela paz, melhoria das relações e bem-estar de ambos países. Segundo o porta-voz da presidência sul-coreana, Yoon Young-chan, esses foram os assuntos entre os dois países, que tecnicamente ainda seguem em guerra.
Você pode ver aqui com detalhes o documento histórico criado e assinado pelos dois líderes, onde buscam a paz, o respeito e maior integração entre as duas nações.

Publicitária, redatora e diretora de arte, sou CEO e fundadora da KoreaIN, a primeira revista brasileira sobre música e cultura asiática.