Lançamentos de novembro: confira as músicas poderosas que marcaram o mês!

2019 pode estar acabando, mas não deixa de nos presentear com músicas incríveis. Artistas novos e antigos do k-pop continuam com tudo nessa reta final do ano, lançando mais músicas incríveis para a nossa alegria. Vamos relembrar um pouco deste último mês e destacar os melhores lançamentos da música coreana em novembro!

(G)I-dle – Lion

Começando o mês com tudo, as meninas do (G)I-dle mostraram que são rainhas SIM no lançamento do MV para Lion. A música não é exatamente um comeback, já que foi a faixa que elas apresentaram na final do programa Queendom. Decisão mais que justa, não só para a felicidade dos neverlands, mas porque é uma música que deve ser ouvida até por quem não acompanhou o reality. Elas fizeram um MV bem digno desa faixa destruidora, com cenários e figurinos que vão de leões até rainhas. O highnote da Minnie, as expressões da Soojin e o rap feroz da Soyeon são alguns dos destaques que coroam Lion com selo de qualidade do (G)I-dle.

Got7 – You Calling My Name

Got7 é um daqueles grupos que não cansa de nos surpreender com faixas únicas. You Calling My Name é uma música animada, mas que foge dos eletrônicos com batidões. Em vez disso, temos um R&B que se inicia lento, e vai crescendo aos poucos. O primeiro refrão que começa só com a suave voz do Jinyoung é acompanhada de uma coreografia impecável que segue o ritmo com delicadeza e sensualidade simultaneamente. Comeback sem defeitos.

Hinapia – Drip

Que tal falarmos de um debut agora? Ou melhor, o debut de um grupo novo, com algumas integrantes que são conhecidas pelos fãs do Pristin. Depois que o grupo acabou e metade delas saiu da Pledis, Minkyeung (Roa), Gyeongwon (Yuha), Eunwoo e Yaebin (Rena) se juntaram e foram para a OSR Entertainment. Lá, elas se juntaram com a Bada e logo debutaram sob o nome de Hinapia. Drip é uma música ousada e cheia de poder feminino perfeito para começar uma nova carreira. Se esse é o começo, é bom ficar de olho para ver o que mais elas podem lançar no próximo ano.

HyunA – Flower Shower

Falando sobre renovação de carreira, HyunA está de volta aos palcos com a sua carreira solo. Flower Shower é sua primeira música depois de sair da Cube e assinar com a P Nation. A faixa, inclusive, tem assinatura do próprio PSY na composição e na letra. Mesmo assim, dá para notar que é uma música que encaixa perfeitamente com a personalidade e a história dela. É uma declaração de que, a partir de agora, ela vai continuar sua carreira do jeito que ela quer, e ninguém vai impedir.

Dawn – Money

No mesmo dia que a P Nation nos presentou com a volta da HyunA, também tivemos o debut solo do Dawn. Desde a sua época no Pentagon, com o nome de E’Dawn, ele sempre se mostrou um rapper e compositor extremamente talentoso. Agora com a carreira solo, ele teve ainda mais liberdade para suas criações musicais – ainda que com uma ajuda do chefe PSY. Money é quase um desabafo sobre dinheiro e o clipe é pura expressão artística e pessoal de Dawn. E ele ainda nos surpreende mostrando um novo lado da sua voz.

Mamamoo – HIP

O que dizer do Mamamoo que a cada comeback da mais um tapa na cara dos haters? HIP é uma declaração de que as críticas só as tornam mais forte e que elas não ligam para o que está na moda, por que elas criam seu próprio estilo. A letra e o clipe fazem referências a esses momentos de controvérsias que haters criaram sobre o grupo e que elas lidam sendo apenas elas mesmas. A história das quatro realidades também mostra um pouco do que cada uma delas poderia ser se não fossem do Mamamoo. Vamos combinar que não seria nada mal ver uma Moonbyul CEO ou uma Hwasa presidente, mas temos que agradecer que este grupo existe para quebrar estereótipos de beleza usando seus vocais poderosíssimos.

IU – Blueming + Above the Time

Normalmente, quando um artista lança um EP com MVs pra várias músicas, tem sempre uma que se destaca mais. Mas a IU tornou essa tarefa simplesmente impossível. Não importa se é uma música mais alegre e divertida como a campeã de Perfect All Kills Blueming, ou se é uma balada emocionante e com história lindíssima como Above the Time. O álbum Love Poem inteiro é uma obra-prima. Não à toa também bateu recordes de vendas na primeira semana por cantoras solistas, com 147 mil cópias, segundo o Hanteo Chart.

Rainbow – Aurora

São poucos os grupos que conseguem memorar a icônica marca de 10 anos do debut. Ainda que Rainbow tenha dado disband em 2016, isso não significou o fim da linha para elas. As 7 integrantes continuaram em contato constante e, no início do ano, resolveram que queriam voltar a lançar uma música juntas como celebração para o décimo aniversário do debut. O álbum comemorativo foi inteiro pensado por elas e a música Aurora foi composta pelo irmão da líder Jaekyung, o baterista do N.Flying Jaehyun. A mensagem por trás é que arco-íris só são vistos de dia, enquanto auroras colorem a noite, então agora estarão com os fãs o dia inteiro. O grupo ainda disse que todo o lucro da venda do álbum vai para uma instituição de caridade que ajuda crianças.

AWEEK – Breathe

2019 nos deu dezenas de grupos novos extremamente talentosos, e AWEEK é um deles. O septeto seguiu um caminho diferente ao preparar seu pre-debut no Japão, já juntando fãs por lá. Depois de debutarem na Coreia em janeiro com The More I See, eles já voltaram com seu primeiro comeback Breathe. A música tem um refrão viciante e uma batida daquelas para ninguém ficar parado. AWEEK pode ser um grupo rookie de uma empresa pequena, mas eles mostram que nada limita o potencial deles.

Luri – Blah Blah (feat. Bryn)

Vamos com debut de solista agora? Luri, nome artístico da Lee Su-hyun, já é conhecida dos fãs do reality Produce 101, já que chegou na final e ficou em 13º na primeira temporada. Depois do programa, ela debutou no grupo temporário I.B.I, formado por 5 meninas também do TOP20. Quando o grupo acabou, ela deu sequência a sua carreira como atriz, mas, este ano, resolveu voltar para a música. A cantora mudou seu nome artístico e lançou Blah Blah. O MV é relativamente simples focando na parte performática, mas isso apenas dá mais espaço para toda a capacidade e expressividade de Luri.

EXO – Obsession

EXO está de volta com uma faixa que já no título explica: depois de ouvir, você vai ficar obcecado. Este é o primeiro comeback do grupo depois do alistamento do Xiumin e do D.O no primeiro semestre do ano. Em Obsession eles voltam ao conceito estilo “bad guys” em uma batalha ao enfrentar uma versão de si mesmos. Tudo marcado por maquiagens fortes e até assustadoras em algum ponto, além de uma atuação intensa. Já musicalmente, a faixa segue um lado mais do hip hop e, como sempre, acompanhada de uma coreografia forte e bem executada.

J.Y. Park – Fever (feat. Superbee, Bibi)

Músicas cheias de highnotes e coreografias difíceis são até interessantes, mas não é tudo que o k-pop tem a oferecer. O J.Y. Park segue uma outra linha amada desse gênero musical: a das músicas que são puro entretenimento, que contam histórias divertidas da letra até o clipe. O fundador da JYP e “pai” de vários grupos amados mostrou como se faz ao lançar Fever. Como o cantor, compositor e produtor experiente que ele é, esta música entra para sua longa lista de criações fenomenais. Escute apenas uma vez e eu garanto que já estará cantando e dançando junto no final.

Menções Honrosas:

BIG – Illusion
Victon – Nostalgic Night
Lee Jinhyuk (UP10TION) – I Like That
OnlyOneOf – Sage
BVNDIT – Dumb
The Boys – Tattoo
1TEAM – Make This
Dongkiz – Fever
Ravi (VIXX) – Limitless (feat. Sik-K, Xydo)
Zico – Being Left
Melomance – Festival
Stray Kids – Astronaut
Golden Child – Wannabe
Nature – OOPSIE (My Bad)
IN2IT – ULlala: Poisoning
TXT – Angel or Devil
Woosung (The Rose) – Beautiful Girl (feat Peniel)
Elris – Miss U
Astro – Blue Flame
WJSN – As You Wish
CIX – Numb
Jun Hyo Seong (ex-Secret) – Starlight
Minah (Girl’s Day) – Butterfly
Sungmin (Super Junior) – Orgel
AOA – Come See Me
Kang Daniel – Touchin’
IZ – Memento
Newkidd – Come
Limitless – Wish Wish

Conta para a gente, qual a sua música favorita desse último mês? Que tal já relembrar também outros hits do resto do ano? Confere a nossa playlist que ela já está recheadíssima com os hits de 2019.

Por Paula Bastos Araripe
Fontes: [1] [2]
Não retirar sem os devidos créditos.