Longa sul coreano “Parasita” recebe indicação importante ao SAG Awards

Depois de ter sido indicado a três Globos de Ouro, o longa segue sua caminhada na temporada de premiações com um feito raro: a indicação ao prêmio do Sindicato dos Atores, o Screen Actors Guild Awards, de melhor elenco, se tornando apenas o segundo filme estrangeiro a alcançar o feito, após 21 anos da indicação da produção italiana “A Vida é Bela” dirigida por Roberto Benigni, que levou o Oscar de melhor filme estrangeiro e melhor ator naquele ano. 

Além do SAG Awards, “Parasita” conquistou outra indicação importante no American Cinema Editors, premiação da Associação dos Editores Americanos que tem norteado quem leva o Oscar na categoria de melhor edição há 15 anos, segundo o Hollywood Reporter. O longa foi indicado a melhor edição em filme de drama ao lado de outras apostas da temporada como: “História de um Casamento”, “Coringa” e “O Irlandês”.

A produção também segue aclamada dentro da crítica especializada, sendo eleito o melhor filme estrangeiro pela Associação de Críticos de Nova York e pelo National Board Review, e recebeu o prêmio especial do American Film Institute, organização de críticos e profissionais da indústria que elege as 10 melhores produções cinematográficas americanas do ano. 

Resultado de imagem para parasita filme

Todos esses prêmios e indicações tem servido para aumentar as expectativas em torno das chances do longa se tornar o primeiro filme estrangeiro a levar o Oscar de Melhor Filme na premiação no ano que vem. Que será realizada em 9 de fevereiro em Los Angeles e que só terá seus indicados divulgados em 13 de janeiro. Já a cerimônia do SAG Awards vai ao ar em 19 de janeiro de 2020.