12 rappers coreanos que fazem as próprias músicas e você (talvez) não saiba

A indústria musical coreana está em constante mudança. Por isso, é preciso que os idols sejam versáteis e se adequem a diferentes situações – sem depender totalmente de seus produtores externos para criação de lançamentos, como fazem as gestões mais tradicionais. Muitos dos novos nomes do ramo iniciam suas trajetórias no entretenimento produzindo suas canções de maneira independente. E é comum artistas que já debutaram ainda prefiram produzir suas próprias músicas. 



Na cena do R&B e Hip Hop, duas realidades são as mais comuns: os idols que são contratados por grandes gravadoras e os músicos independentes, que representam uma grande parte do total. Muitos dos rappers indie já conquistaram notoriedade pelas habilidades com edição e autoprodução de músicas e conteúdos audiovisuais. Quer saber alguns dos rappers que estão envolvidos em todo o processo de produção dos seus trabalhos e composições? Confira nossa lista.


SIK-K


Kwon Min-sik, ou Sik-K, iniciou a carreira como rapper no cenário underground por volta de 2013. Além de compor, produzir e fazer os vocais nas músicas autorais, foi um dos responsáveis pela criação do crew YelowsMob, ao lado dos produtores do GroovyRoom.

Além de trabalhar de forma independente, ele também fez parte da quarta temporada do programa televisivo Show Me The Money, em 2015. Após tal participação, Sik-K aproveita a visibilidade e lança, em 2016, seu primeiro EP intitulado Flip


[LEIA MAIS]

H1GHR Music Records anuncia álbum colaborativo com artistas da gravadora

13 Momentos marcantes do Show Me The Money

Mnet anuncia nova temporada de Show Me The Money


DPR LIVE


Hong Da-bin adotou a marca DPR Live como referência ao nome gravadora, Dream Perfect Regime, onde um grupo de artistas de diferentes áreas criativas ajudam a compor a ideia por trás do rapper. DPR Live é rapper, produtor, compositor e cantor. Dono de uma voz macia e flow incomparável, o moço é uma das promessas para o k-hiphop – por aliar talento vocal e expressão criativa única. 

O rapper integra o grupo independente DPR, que produz e patrocina projetos dos mais diversos estilos musicais. Entre os sete nomes que compõem a iniciativa, temos MINO, Christian Yu e Cream.  


3RACHA


O 3RACHA pode ser considerada uma unit do Stray Kids, composto pelos rappers Seo Changbin (SPEARB), Bang Chan (CB97) e Han Jisung (J.ONE). O trio se uniu quando começaram a produzir a mixtape J:/2017/mixtape, disponível no Soundcloud. Gerenciados pela JYP Entertainment, debutaram oficialmente no Stray Kids em 2018, ainda mantendo o trabalho paralelo como 3RACHA.

O trio é creditado como responsáveis pela composição e produção da maioria das músicas gravadas pelo Stray Kids, desde o debut até a fase atual, com o MV de Double Knot.



MOONBYUL


Moon Byul-ie, ou Moonbyul, é a principal rapper do MAMAMOO da Rainbow Bridge World. Mesmo sendo parte uma empresa um pouco menor, Hwasa, Wheein, Solar e Moonbyul puderam compor muitas das canções desde o debut. As opiniões das artistas também são bastante consideradas na elaboração de conceitos visuais e coreografias.

Moonbyul, além de rapper é vocalista, produtora e compositora, conhecida por sua voz grave e rouca. Ela produziu o EP solo, Selfish, lançado em 2018. 


EPIK HIGH


Epik High é um trio sul-coreano, composto pelos compositores, produtores e rappers, Tablo, DJ Tukutz e Mithra. Reconhecidos como um dos maiores nomes do k-hiphop, o trio produz de forma independente seus discos. Na estrada desde 2003, são mencionados como inspiração para diversos idols e aspirantes a músicos, como os rappers RM e Suga, que creditam o trio como algumas de suas principais influências na escolha de carreira.

Além de assinarem com gestões e grandes gravadoras, como Woolin Entertainment e YG Entertainment, também criaram um selo próprio: Map The Soul. Tablo também foi um dos CEOs da HIGHGRND, mas se desligou da label em 2017, mesmo permanecendo como um dos principais incentivadores de artistas independentes.

Em 2019, Epik High lançou o álbum Sleepless in…, além de terem embarcado em uma turnê internacional com shows na América do Norte e Europa.


AMBER LIU


Amber Liu debutou em 2009 como parte do f(x), da SM Entertainment. Além de rapper, ela é dançarina, cantora, produtora e compositora. Fez o debut solo em 2015, com o EP Beautiful.

Recentemente, Amber finalizou seu contrato com a gravadora que a gerenciava desde o debut e passou a lançar músicas de forma independente, reafirmando seu lugar como produtora e compositora dos próprios sucessos. Seu álbum de re-estreia, está prometido ainda para esse ano, mas ela já lançou dois vídeos em seu canal no YouTube: Hands Behind My Back e Other People.

OS MELHORES PRODUTOS DE K-POP VOCÊ ENCONTRA AQUI!


GROOVYROOM


GroovyRoom é uma dupla de produtores independentes, Park Gyujung e Lee Hwimin. Eles debutaram em 2016 com o MV de Loyalty, parceria com Dok2 e Ailee. No entanto, o primeiro EP oficial, Everywhere, só chegou aos ouvidos do público em 2017.

Além de produtores e compositores exímios, os rappers compõem o crew YelowsMob com Sik-K, já mencionado anteriormente. A frutífera carreira os levou a se aliarem a Jay Park na H1GHR MUSIC. A popularidade do GroovyRoom é grande e a dupla chegou a ganhar o prêmio de Produtores do Ano, no Korean HipHop Awards de 2017.


OFFONOFF


OFFONOFF é um duo composto por Colde e 0Channel (leia Young Channel). Independentes desde o início, começaram a carreira em 2015, com Mood, um álbum completo disponível no Soundcloud. O debut oficial veio em 2016 quando assinaram com a gravadora HIGHGRND. O selo preza pela liberdade dos seus artistas e, uma prova disso, é que Bath foi composta, produzida e gravada pela dupla.

Colde é vocalista e compositor, enquanto 0Channel é DJ, produtor, rapper. Eles também integram o crew Club Eskimo, associados a Dean, Millic, Punchnello, Crush, entre outros nomes conhecidíssimos  no cenário noturno de Gangnam.


BEENZINO


Lim Sung-bin, ou Beenzino, é um rapper, compositor e produtor. Respeitado desde o início, foi “descoberto” e recrutado por Simon Dominic, após publicações no site da DC Tribe. Beenzino começou em parcerias com grandes nomes, como Epik High, Dok2 e Supreme Team.

O debut oficial solo aconteceu em 2012, com o álbum 24:26. Além do talento inegável para composição e produção, é lembrado pelo estilo e flow bem melódicos.



PALOALTO


O rapper, produtor e compositor Paloalto – ou Jeon Sang-Hyun para os fãs e íntimos – é um dos bem-sucedidos veteranos da música sul-coreana, ao lado de Epik High, Jay Park, Simon Dominic. Iniciou a prolífera carreira em 2002, como rapper na cena underground. Debutou oficialmente e lançou o primeiro EP, Footprints, em 2004, desde então produz praticamente tudo que canta, também colaborando com outros artistas, tanto conhecidos, quanto novatos da indústria.

Em 2010, lançou-se na carreira de CEO da gravadora independente Hi-Lite Records, que conta com G2, Reddy e SoulOne como alguns de seus consagrados artistas.


ZICO


Quando falamos de rappers produtores, um dos nomes mais conhecidos é o de Zico. Suas contribuições para a música e a popularidade de tudo que se envolve, fazem dele um artista com toque de Midas. Líder do Block B (debutado em 2011), Woo Jiho também é produtor, compositor e dançarino, talentoso e requisitado, é creditado pela autoria de grande parte – senão todas – as músicas do grupo, além de cuidar de sua carreira solo.

Zico também é um dos nomes por trás do crew Fanxy Child, um dos mais populares do segmento. Alguns dos membros são Dean, PENOMECO e Crush, o que justifica toda a fama.


GIRIBOY


Giriboy, ou Hong Si Young, debutou em 2011 com o single You Look So Good to Me pela Just Music, fundada pelo rapper Swing. Seu primeiro EP, Fatal Album, foi lançado um ano mais tarde e contava com composições feitas durante os anos em que o rapper cursava o ensino médio. No mesmo ano, também lançou o Fatal Album II.

O rapper participou do programa Show Me The Money 3, em 2014, competindo com outros nomes como Bobby (iKON) e B.I.

Ele é rapper, produtor e compositor nato e acabou chamando tanta atenção, que fundou e se tornou Co-CEO da gravadora WEDAPLUGG Records, ao lado de Swings.


Por Bárbara Contiero e Fernanda Bastos.

Últimas notícias