Entretenimento

O artista chinês Cai Guo-Qiang enviou uma escada de 500 metros de fogo ao céu

Nas primeiras horas da manhã de 15 de junho, um enorme balão branco enchido com 6.200 metros cúbicos de hélio lentamente subiu ao céu de Huiyu Island Harbour, em Quanzhou, na China. Anexado a ele foi uma longa escada de 500 metros revestida completamente com detonadores de queima rápida e fogos de artifício dourados que foram então disparados pelo artista Cai Guo-Qiang, que tornou-se conhecido por suas ambiciosas obras de pirotecnia.

Sky Ladder, realizado em Huiyu Island Harbour, em Quanzhou, Fujian, 15 de junho de 2015, 04h49, aproximadamente 2 minutos e 30 segundos. Fotos por Lin Yi-Wen por e You Cai, cortesia Studio Cai.

Intitulada Sky Ladder, a escada de fogo queimou durante aproximadamente 2 minutos e 30 segundos acima do porto e foi a quarta e última tentativa de realizar a performance. Guo Qiang-já havia tentado Sky Ladder em Bath (1994), Xangai (2001), e em Los Angeles (2012), em diferentes graus de sucesso, mas nunca considerou a sua visão completa até agora. Ele primeiro imaginou uma escada de incêndio como uma criança e tem perseguido a idéia há 21 anos. Ele divide conosco sobre esta última interação bem-sucedida do evento:

Atrás da Sky Ladder estava um claro sonho da minha infância. Apesar de toda as reviravoltas da vida, sempre fui determinado em fazer isso. As minhas propostas anteriores ou foram mais abstratas ou cerimoniais. Sky Ladder hoje é real, e toca meu coração profundamente: ela carrega carinho para minha cidade natal, meus parentes e meus amigos. Em contraste com as minhas outras tentativas, o que definiu o tempo de ignição, ao anoitecer, desta vez a escada subiu em direção ao sol da manhã, levando esperança. Para mim, isso não só significa um retorno, mas também o início de uma nova jornada.




Infelizmente não há nenhum vídeo oficial do desempenho disponível ainda, mas alguns vídeos de telefone celular instáveis têm surgido. Você pode ver mais fotos da performance no site do artista. Todas as fotos por Lin Yi e Wen-You Cai cortesia do Studio Cai. (via Booooooom e ThisIsColossal)

Tradução e adaptação por Revista KoreaIN
Fonte: This is colossal

Confira tudo que rolou na seletiva do 2º Korean Pop Festival

Aconteceu no final de julho, no Teatro Gazeta em São Paulo, o 2º Korean POP Festival, o campeonato nacional de covers organizado pelo Consulado Geral da República e pelo Centro Cultural Coreano no Brasil.

O evento foi dividido em duas categorias, canto e dança, onde 16 grupos de diversos lugares do país puderam mostrar seus verdadeiros talentos e competir por uma vaga no Kpop Workd Festival, o concurso mundial de covers realizado pela emissora de televisão coreana KBS.
Este ano, oito cantores impressionaram a plateia e os jurados com tamanha técnica e habilidade. Camila do Ó ficou em 1º lugar cantando Singing Got Better da solista “Ailee”. A paulista Greice Kelly ficou em 2º lugar com a música “I have a lover” da cantora Lee Eun Mi.

Camila do Ó
Greice Kelly

Antes de começar as apresentações de dança, o coreógrafo e apresentador Sung Ju No animou todos os presentes com sua demonstração de street dance.
Após a plateia recuperar o fôlego, foi iniciada a 2ª parte do evento. O grupo ganhador do prêmio de popularidade, o Allyance, entrou no palco e dançou History da famosa boyband EXO, arrancando gritos e suspiros dos presentes.


Além do Allyance, o primeiro colocado, Legend Dance Team, que entrou com a música Overdose da mesma boyband da SM Entertainment, também arrasou no palco com sua coreografia e figurino perfeitos. O segundo colocado ficou com as meninas de Curitiba, Double Beat, que ao dançarem Danger, as vésperas do show do grupo sul coreano “BTS”, enlouqueceram os presentes.

Legend Dance Team

Double Beat

Para anunciar o vencedor do Grande Prêmio, todos foram prestigiados por uma fusão entre Brasil e Coréia do Sul com os ritmos do samba, k-pop e forró. E finalmente foi anunciado que Pammie foi a campeã geral e terá a chance de representar o Brasil no Kpop World Festival.


Após a premiação, entrou no palco a ex-jogadora de basquete Alessandra Santos de Oliveira, juntamente com a torcida do “Viva Coréia” (jovens voluntários que torcerão oficialmente pela Coreia do Sul e pelo Brasil durante as Olimpíadas de 2016 que acontecerão no Rio de Janeiro), para fazer o juramento oficial com o Cônsul Geral da Coréia, Sr. Young Jong Hong.


Houveram também sorteios de álbuns de k-pop e maquiagem coreana para a plateia, além de degustação de comida coreana. O evento foi uma excelente oportunidade para se aprofundar um pouco mais na cultura sul coreana, fechando o mês das férias com chave de ouro.


Por Camila Akioka
Não retirar sem os devidos créditos.

[ESPECIAL Dia dos Pais] Os Super Pais do entretenimento coreano

Primeiramente, Feliz Dias dos Pais!
No Brasil, o segundo domingo de agosto é marcado pelo Dia dos Pais, para comemorar o quanto são importantes em nossas vidas. Entretanto, na Coreia do Sul há algumas diferenças, a começar pela data, comemorada no dia 8 de maio. Originalmente era celebrado apenas o dia das mães e o foi de 1956 a 1973, quando houve a mudança para englobar ambos os pais, o que tornou uma combinação do dia dos pais e das mães, em que ambos são homenageados. E não apenas eles, como também outras figuras paternas, como avós, sogros ou, até mesmo, outros idosos.
Um dos presentes mais comuns é o cravo vermelho, que virou símbolo deste festejo devido ao seu significado de amor, pureza e admiração. O cravo pode vir acompanhado de uma fita que diz: “어버이 은혜 감사합니다”, que numa tradução livre seria “Obrigado por tudo, meus pais”.
Porém, o mais importante é passar o dia com seus pais, fazendo algo para agradá-los, como passear, ir à viagens, museus ou piqueniques. Muitos lugares ficam abertos gratuitamente nesta data. Algumas escolas oferecem gincanas, para participação de pais e filhos, estes que oferecem homenagens e honras aos pais.  É dia de agradecer pela criação, os sacrifícios e sua formação como pessoa responsável.
Na Coreia, quando um pai adora e é louco pelos filhos, esse é constantemente chamado de 딸바보/아들바보(filha-babo/filho-babo) que em uma tradução rápida para o português seria equivalente ao nosso “pai coruja”.
Chegando esse dia tão importante, a K-IN preparou um especial com os mais famosos Pais Corujas da Coreia.

Tablo




O integrante do grupo Epik High é um super pai! Ele e sua filha Haru apareciam no programa “The Return of Superman” e mostram sua química perfeita. Haru é sincera e superfã do G-Dragon, o que desperta um pouco de ciúmes em seu pai.
Em seu último concerto, Tablo modificou as letras de suas músicas e retirou os palavrões, pois Haru estava presente nos bastidores. É ou não é um pai coruja?
Yang Hyun Suk



O CEO da YG Entertainment possui 2 filhos! A mais velha, Yoo Jin é super carismática e Seung Hyun, dois anos mais novo, será o próximo herdeiro da agência. O Sr. YG, é conhecido por adorar seus filhos, e se gabar deles sempre que pode.
Sean



Sean é conhecido como “anjo doador” na Coréia, devido a seus atos beneficentes. Parte da dupla de hip hop da YG JinuSean, o cantor possui 4 filhos sendo 2 meninos e 2 meninas. Ha Eum, Ha Rang, Ha Yul e Ha El são super fofos e têm uma linda família. Ha Rang também é conhecido por “mini-Taeyang”, devido a sua semelhança com o membro do Big Bang.
Tiger JK



O mais famoso rapper coreano, Tiger tem um lado super coruja com seu filho Jordan, de 8 anos de idade. Como o pai, o menino parece possui um talento excepcional para a música e escreve letras e melodias como se estivessem brincando. Jordan também já fez algumas participações em músicas e MVs do grupo MFBTY, do qual seu pai, sua mãe Tasha e o rapper Bizzy fazem parte.
Song Il Gook



O ator coreano é pai dos trigêmeos mais famosos da televisão sul coreana. Ele é conhecido por interpretar papéis que requerem habilidades com lutas e espadas em dramas históricas.
Ele é super carinhoso com os filhos Dae Han, Min Guk e Man Se e juntos são um combo de fofura!
Ji Sung



O queridinho de ‘Kill me, Heal me’ e sua esposa, também atriz, Lee Bo Young deram as boas vindas a uma linda e saudável menina em junho deste ano. O ator é conhecido por ser louco por sua parceira, então já dá pra imaginar como será com sua filha! O nome da criança é Kwak Bo Bae, onde Kwak provém do nome verdadeiro de Ji Sung (Kwak Tae Geun), Bo de sua mãe Bo Young e Bae para representar que a menina é bebê deles (baby).
Cha Seung Won



O ator é consagrado um dos melhores na Coréia. Pai de um rapaz de 22 anos, que é um jogador profissional de LOL. Recentemente, foi-se descoberto que Cha No Ah não é filho biológico de Seung Won, causando um grande escândalo na mídia.
Apesar disso, Cha disse que sempre pensou em No Ah como seu verdadeiro filho. Além dele, o ator e sua esposa também tem uma filha chamada Cha Ye Ni, nascida em 2003.
Kwon Sang Woo



O ator considerado um dos mais bonitos de sua geração, tem dois filhos, fruto de seu relacionamento com a atriz Son Tae Young. Pelo visto, a beleza corre no sangue, uma vez que Rook Hee e Ri Ho são lindos! Segundo sua esposa Tae Young, Sang Woo é louco pela caçula e eles não se desgrudam.
BONUS: EXO



Calma, os meninos ainda não são pais! 
Recentemente, ChanYeol e Baekhyun fizeram uma aparição no programa “The Return of Superman”, onde eles foram babá por um dia de SeoEon e SeoJun, filhos do apresentador Lee HwiJae.
A aparição dos membros do EXO no programa foi muito comentada entre os internautas coreanos e principalmente entre as fãs, pois eles foram super atenciosos brincando, cozinhando e passeando com os gêmeos.
Realmente, eles não dariam bons pais?
Fontes: Coisas da Coreia

Por Amanda Carolina e Carol Akioka
Não retirar sem os devidos créditos.

#CrossGenenaKIN Parte I – Cross Gene para as fãs brasileiras: “Vocês são F*DAS”; Veja fotos e videos exclusivos

Casper mandando uma saudação para você, pelas lentes da KoreaIN.


Aconteceu no último dia 10, o show da boyband sul coreana Cross Gene, em sua primeira passagem pelo Brasil. O concerto realizado pela Far Music Entertainment junto a Yamato, aconteceu no Anime Friends 2015 no Campo de Marte, em São Paulo.

Shin, Takuya, Seyoung, Sangmin, YoungSeok e Casper encantaram os fãs brasileiros com seu carisma e fanservice sem igual. Sempre humildes, acenavam e distribuíam sorrisos para todos os presentes.
Durante o fanmeeting, muitas fãs saiam emocionadas e em êxtase pelo carinho dos meninos. Eles ainda tiraram foto com as fãs que estavam à espera do início show.

Fonte: Twitter Cross Gene

Confira o video do Cross Gene cumprimentando as fãs antes de fazerem a foto oficial com os fãs na fila. Shin e SangMin deram “tchau” para nossa cinegrafista.



Shin ficou ainda mais próximo do público quando resolveu sair para dar uma volta no Anime Friends fazendo “cosplay” de um membro do clã Akatsuki, do famoso mangá e anime Naruto.

Quando as luzes se apagaram, já podia-se ouvir a multidão gritando “Cross Gene! Cross Gene!” em sincronia e o grupo foi recebido para o começo do show.

A primeira música foi o debut, “La Di Da Di” que animou o público com suas acrobacias e coreografia elaborada.

Logo em seguida, “Amazing Bad Lady” enlouqueceu os fãs devido a sua dança previamente censurada na Coreia. 

Ao longo de 1 hora de show, os meninos performaram sucessos como “Watch Out”, “Crazy” e “Billion Dolla”, sendo está última música trilha sonora do filme ZEDD, estrelado pelos membros.

Pôde-se perceber o esforço dos rapazes em se comunicar com os brasileiros, ao arriscarem algumas frases em português. Segundo as próprias palavras de Casper durante o show, “Vocês roubaram meu coração.” e YoungSeok ainda disse “Vocês são F*das!“.

O Cross Gene ainda afirmou terem seu lado otaku e gostarem de animes como Dragon Ball, One Piece, Naruto e Pokemon. O líder Shin, YoungSeok e Casper ainda mostraram seu lado fofo imitando o Pikachu.

Todos se mostraram animados com a energia e empolgação das fãs e disseram que pretendem voltar ao país mais vezes. SeYoung ainda agradeceu a calorosa recepção e disse que não queria retornar a Coreia e simplesmente morar aqui (alguém tem lugar sobrando em casa, pra ele? haha)

Cross Gene performando Amazing~Bad Lady.

Cantaram seus principais sucessos coreanos e também apresentaram seu último single japonês, “Love & Peace”.

Finalizaram com o último lançamento na Coreia, a música “Let’s Play”.


Durante o concerto, pudemos ver diversos lados do grupo conforme as musicas foram apresentadas. Maduros, sexy e chic em Amazing~Bad Lady, românticos e tranquilos na música estilo balada “Holiday” e ao mesmo tempo divertidos e brincalhões em tantos outros momentos.

Temos apenas elogios ao Cross Gene e toda a equipe produtora do show.

Esta foi a primeira vez que um show de kpop tem espaço no maior festival de animes e cultura pop do Brasil, mostrando como a Onda Hallyu vem crescendo no país.

Você pode conferir mais vídeos em nosso Instagram @revistakoreain

Takuya se enrolou na bandeira brasileira.
YoungSeok se cobriu.

Veja mais fotos exclusivas do show aqui.
Aguarde a “Parte II” da nossa cobertura! Tudo sobre o KCC e mais.

Não retirar sem os devidos créditos.
Por Carol Akioka
Revista KoreaIN