gay

Os 20 Kpop Idols favoritos dos gays sul-coreanos | Dia Internacional do Orgulho LGBTQ

Hoje é comemorado mundialmente o Dia Internacional do Orgulho LGBTQ, e não podíamos deixar de fora a Coreia do Sul, que tem caminhado em direção a deixar o “Love Win”. Ainda muito tímida, a Coreia do Sul é um país conservador, como uma maioria de habitantes que acreditam que a questão da homossexualidade é um tabu.

Todos sabemos como os ídolos coreanos ditam tendências, são exemplos de sociais e por vezes influenciam a sociedade coreana como um todo, principalmente os jovens. Com o crescimento das atividades digitais públicas do público coreano gay, diversos tipos de pesquisas passaram a serem feitas com o nicho.
A KoreaIN comparou e reuniu vários dados dos últimos 3 anos e criamos a lista dos 20 kpop idols favoritos escolhidos pelos gays sul-coreanos, e que apoiam as lutas da comunidade LGBTQ.

20. Lee Hyori

Um das rainhas da música coreana, conhecida também por sua benevolência e apoio a diversas causas, trouxe dragas em seu MV da música Miss Korea. Você pode ver aqui.

 

19 – G-Dragon – Big Bang

O astro da onda coreana já utilizou suas redes sociais diversas vezes para demonstrar apoio pelas causas da comunidade LGBTQ.

18 – Sunmi – Wonder Girls

17 – Mingyu – Seventeen

16 –  Gain – Brown Eyed Girls

A Rainha de abordar temas polêmicos, que inclusive já insinuou um beijo gay no mv de Abracadabra do Brown Eyed Girls, é uma das cantoras favoritas das lésbicas sul-coreanas.

15 – BoA

Essa outra rainha do kpop performou em 2009 na San Francisco Pride Festival, veja aqui!

14 – Doojoon – Highlight

 

13 – Rap Monster – BTS

Rap Monster nunca escondeu nenhum de seus posicionamentos, seja político, religioso ou social. Usando seu jeito educado, postou no twitter do BTS sobre a popular canção LGBTQ, “Same Love” de Macklemore. Rap Monster disse: “Aqui é o Rap Monster. Uma música sobre homossexualidade. Eu ouvi esta música antes, mas não conhecia a letra, agora eu conheço e gostei o ainda mais. Eu recomendo Macklemore & Rayan Lewis – Same Love.”

12 – f(x)’s Amber

Amber sempre foi muito ligada à luta das questões sexuais e de gênero. Inclusive, aproveitou seu talento para explorar o tema de uma forma diferente. No lugar de hino empoderadores, Amber falou sobre o amor próprio de uma forma sensível, a própria beleza e o auto conhecimento. Ouça Beautiful.

11 – Sungjae – BTOB

10 – Jonghyun – SHINee

Jonghyun sempre externalizou seus pensamentos e opiniões. Certa vez ele tomou parte e deu apoio a uma estudante trans-bisexual da Sungkonghoe University. Deixou uma mensagem em seu twitter dizendo ” Eu apoio seu discurso sobre ser diferente não significar ser errado”, sobre os protestos que a garota fazia em relação a aceitação na Coreia.

9 – Doyeon – I.O.I

8 – Taehyung – BTS

Os integrantes do BTS nunca esconderam seu amor pelos fanboys, o que é apenas um reflexo da mente aberta e posicionamento social dos integrantes. Certa vez Taehyung recebeu uma proposta da casamento de um fanboy, e respondeu “Vamos fazer isso. Eu te amo também!”.

7 – Jackson – Got7

Dentre recorrentes comentários demostrando seu apoio a comunidade LGBTQ, em um programa de radio Jackson perguntou se o reality show “We Got Married” aceitaria um casal de garotos.

6 – Jungyeon – TWICE

5 – YunHo – TVXQ

YunHo sempre deu apoio e suporte aos seus amigos homossexuais. E uma vez até mesmo disse apreciar o trabalho das fãs que costumam escrever fanfics de casais homossexuais.

4 – Moonbyul – Mamamoo

3 – D.O – EXO

Não é de hoje que sabemos do posicionamento pró LGBTQ do EXO. E dentro do grupo, o D.O foi escolhido como o favorito da comunidade gay. Segura essa thread aqui do EXO apoiando a igualdade.

2 – L – Infinite

1 – Taeyeon (SNSD)

Aqui escolhemos a Taeyeon como representante, mas assim como o EXO, o SNSD já mostrou seu apoio pela comunidade homossexual várias vezes. Seja dando likes em publicações em apoio aos LGBTQ’s, ou levando Drag’s maravilhosas para seu MV.

 

Quais outros artistas você ama e sabe que são apoiadores da causa LGBTQ? Conta pra gente!

 

Por Naira Nunes
Fonte: Kpopmap, Allkpop, Instiz, SBS
Não retirar se os devidos créditos.

Corte de Taiwan declara apoio a oficialização do casamento gay

O posicionamento favorável da Corte Constitucional pode transformar o país no primeiro território asiático a legalizar as uniões entre pessoas do mesmo sexo.

 

Em painel delegado por 14 magistrados, a Corte Constitucional de Taiwan deu sinal positivo para a legalização do casamento gay nesta quarta-feira (24). A sentença exigia pelo menos 10 votos, e apenas dois juízes se opuseram a decisão.

Segundo o tribunal, permitir o casamento homossexual contribuiria para estabilidade social e a para a proteção da dignidade humana.
O posicionamento forte da corte poderá permitir que a ilha se torne o primeiro território asiático a legalizar as uniões entre pessoas do mesmo sexo.

A Corte Constitucional considerou que o dispositivo do Código Civil taiwanês segundo o qual um contrato de matrimônio só pode ser assinado entre um homem e uma mulher “viola” a Constituição, que garante a liberdade de casamento e a igualdade entre os cidadãos.

“Os dispositivos atuais sobre o casamento não permitem que duas pessoas do mesmo sexo criem uma união permanente de natureza íntima e exclusiva com o objetivo determinado de levar uma vida juntos. Isto é obviamente um grave defeito legislativo”, afirma um comunicado da corte.

Entretanto, o tribunal dá prazo de dois anos ao governo para aplicar a decisão. Se o Parlamento não aprovar a mudança em até dois anos, a corte informa que os casais do mesmo sexo poderão fazer o registro para o casamento, com base em sua própria interpretação.
Desde que a presidência foi assumida por Tsai Ing-wen, em 2016, a causas pelos direitos dos homossexuais tem avançado, já que a presidente defende abertamente o casamento para todos.
Os esforços para obter direitos igualitários no matrimônio ganharam força na ilha com o apoio de centenas de milhares de pessoas. Hoje ela está entre as sociedades mais progressistas da região em termos de direitos para os homossexuais.

O Partido Democrata Progressista (PDP) da presidente, maioria no Parlamento, comemorou a decisão da Corte em um comunicado.
Mas alguns apostam que ainda haverão fortes manobras daqueles contrários ao casamento para todos.

Multidão usa as lanternas dos celulares em cores diferentes para compor uma enorme bandeira do arco-íris festejando durante manifestação ap´so a corte constitucional de Taiwan decidir que homossexuais têm o direito de se casar, em Taipei. Com isso, Taiwan passou a ser o 1º país da Ásia a legalizar o casamento gay (Foto reprodução: Tyrone Siu/Reuters)

Por Naira Nunes
Fonte: AFP + Reuters
Não retirar sem os devidos créditos