10 músicas PRODUZIDAS pelo HITMAN BANG que você NÃO SABIA (e precisa ouvir!)

De 2012 para cá o kpop cresceu de uma forma absurda. De fato, “Gangnam Style” não representa o gênero por um todo, mas abriu portas para olhares curiosos que se interessaram em saber mais sobre esse gênero musical. Produtores coreanos passaram a investir mais e mais em seus grupos, fazendo as promoções não acontecerem apenas na Coreia do Sul, mas em países vizinhos e até do outro lado do mundo.

É impossível não falar de Bang SiHyuk, ou Hitman Bang, quando o assunto é a produção e divulgação dos grupos de kpop no exterior. O CEO da Big Hit, que atualmente administra o grupo BTS, investiu nos Estados Unidos e hoje os americanos, as principais mídias e as redes sociais só falam do grupo, que é considerado “queridinho” pelos fãs americanos. E está -até o momento da publicação desta matéria- no topo do Billboard Chart.

Apesar de muito falado, BTS não foi o grupo que “abriu portas” para o exterior, The Kim Sisters foi o primeiro contato entre a música coreana com a américa e Wonder Girls teve uma sólida carreira no exterior, gravando até mesmo com o cantor Akon. Atualmente, porém, as redes sociais facilitam muito esse acesso com a cultura coreana e a aproximação é inevitável. O produtor SiHyuk soube como aproveitar o momento e divulgar BTS fora da Coreia e obteve sucesso.

Em entrevista para a Billboard ele conta que conseguiu esse feito pela performance do BTS e a qualidade de cada membro. Bang SiHyuk classifica BTS como um grupo completo: “todos possuem qualidades, tanto visual quanto musical, além de sempre se entregarem. Trabalho duro, sonho e talento levam ao sucesso”.

Entretanto, o produtor não surgiu “magicamente” com o BTS e, apesar ser associado diretamente ao grupo, SiHyuk tem uma carreira consolidada, repleta de canções importantes e conhecidas na Coreia do Sul. Seu trabalho começou em 1999 com o grupo G.o.D e caminhou entre diversos artistas, o foco atualmente é no BTS, mas há canções que merecem ser ouvidas e apreciadas!

Por isso a KoreaIn selecionou 10 canções de Bang SiHyuk, o Hitman  para você ouvir e conhecer o trabalho do PD-Nim.

 

  1. Davichi – Stop The Time

Davichi é uma dupla bem conhecida por suas trilhas emocionantes das novelas coreanas, porém provaram com essa canção que podem sim tocar em uma festinha bem badalada, e não deixar a “pegada nostálgica”. O ritmo eletrônico do refrão não deixar ninguém parado!

 

 

  1. O significado por trás de Whalien 52 – BTS

Quando essa música foi divulgada, muito se perguntava do significado dela. A tradução do título e a letra da canção conta-nos a história da Baleia de 52 Hertz, que tem um canto muito mais alto do que as outras baleias (geralmente o canto é de 15 a 20 Hertz), e por isso ninguém a escuta, deixando-a solitária; longe do bando. Na canção de SiHyuk é apresentado um sentimento de ser diferente e estar só, porém, ao mesmo tempo, a música ganha uma história e a força para lutar ressurge, pois mesmo sozinha a baleia precisa continuar e encontrar o melhor caminho para ela.

“A Luz do Infinito você vai alcançar”:

 

8. A sofrência “You Wouldn’t Answer My Calls” do 2AM

Que o 2AM (grupo que já se dissolveu, pertenceu a JYP e posteriormente a própria BIGHIT) investe nas músicas melancólicas a gente já sabe, mas You Wouldn’t Answer My Calls é um nível absurdo de tristeza! Para piorar, o MV conta uma história super trágica, é um clipe mais “pesado”, e o ritmo da canção é para aquele domingo chuvoso e nostálgico.
A voz dos membros do 2AM -carregadas de sentimentos e inspiração- fazem dessa canção um ato único, verdadeiro e humano. Vale a pena apertar o
replay e se emocionar com a belíssima letra que Bang SiHyuk preparou para os reis do ballad.

(Ps: se você se emociona facilmente não assista a esse mv, ele tem um conteúdo sensível com cenas fortes que podem servir de gatilho).  

 

7. “Love U Hate U” – 2AM feat RM (BTS)

O trabalho entre 2AM e SiHyuk deu tão certo que eles gravaram mais de dez canções juntos! Love U Hate U foi divulgada em 2010 e conta com a participação do líder e rapper do BTS, RM (na época conhecido ainda como Rap Monster). A música chamou a atenção por ser um gênero diferente do que 2AM costumava promover, visto que o grupo investia em ballads. Love U Hate U tem uma pegada mais leve e romântica, e conta a história de uma pessoa que ama demais a outra e odeia que o sentimento seja tão intenso, mas que, no final de tudo, não escolheria estar de outra maneira.

 

6. Bad Boy – Wonder Girls

A colaboração veio em 2007, ano de estreia do grupo Wonder Girls, quando Bang era integrante da JYP Entertainment. Apesar de ser lançada em 2007, a música se fez presente durante muitos anos, inclusive chegando a ser incluída em turnê do grupo (ainda com sua formação de 5 garotas). O ritmo, a letra e a coreografia estão “no ponto” para o grupo.

 

5. Habit – K.Will

Outra colaboração que deu muito certo foi com o cantor K.Will. Você deve conhecê-lo por sua doce voz e pelas músicas nos famosos k-dramas, porém o cantor está na indústria musical há muitos anos! Habit, escrita pelo SiHyuk, é de 2007, mas parece tão atual quanto as músicas promovidas por K.Will nos dias de hoje. O artista da Starship Entertainment trabalhou com Bang SiHyuk em outras três canções para seu álbum Left Heart, lançado em 2007.

 

 

4. So You Can Comeback To Me – G.O.D

Falando em música antiga, temos uma parceria que durou muitos anos (de 1999 a 2005), e que rendeu muitos hits. G.O.D é um dos percussores do k-pop, apesar do gênero ter mudado ao decorrer dos anos, o grupo masculino foi um dos primeiros a explorarem e apresentarem esse gênero de canção aos coreanos. A canção de 1999 reflete bem o gênero musical da época, onde o soul e o hip hop se misturavam e fazia todos dançarem. Neste mesmo ano, 1999, o grupo lançou outras 3 canções de Bang SiHyuk em 2 diferentes discos.

 

  1. Flower Bikini (꽃무늬 비키니) – Baby V.O.X

Ainda em 1999 Bang SiHyuk emplacou outro hit, dessa vez com um grupo feminino: Baby V.O.X, grupo muito presente nas set lists de baladas e de clubes coreanos (e muitas vezes em outros países). Diferente de um boa música eletrônica do grupo, “Biquíni de Flor” trás um lado mais suave e meigo do grupo, lembrando bem o conceito verão do k-pop atual:

 

  1. I do – Rain

Não estranhe se você tiver um “dejavu” ouvindo essa canção, pois muito idols gostam de usar essa canção para fazer cover. “I do” é conhecida por qualquer artista e qualquer coreano. Um clássico! Além de não ser possível ouvir uma vez só, o refrão fica na cabeça. “I do… I do… Wanna spend my life with you”.

 

1.Fire – BTS

Tá pegando fogo bicho! Fire sempre será aquela música que todo mundo ouve e ninguém consegue deixar de dançar. O ritmo, as batidas e o refrão chiclete é algo que parece dizer: “cheguei para ficar”, e parece que chegou mesmo, pois BTS investiu bastante nesse estilo musical depois do sucesso de Fire.

 

A lista só aumenta! Bang SiHyuk produziu muita canção antes de investir apenas em sua empresa e em cuidar do BTS. Estar desde 1999 na indústria de entretenimento não é fácil, ainda mais se formos levar em conta essa “competitividade” que há no k-pop.

 

Agora,conta para gente: sem ser as canções do BTS, você conhecia algum desses outros trabalho do PD-Nim? E se já conhecia, que tal indicar mais uma canção para acrescer essa lista? Comenta aqui embaixo sua indicação!

 

Por Isabela Marques
Fontes: Wikipedia, Billboard, Kpopmap e Bloomberg
Não retirar sem os créditos.

O Portal KoreaIN é dedicado a divulgar todo tipo de informação e noticia sobre a Coreia do Sul e sua cultura.