Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

TV

The Penthouse: o que está por trás do sucesso do maior k-drama de 2020?

Intrigas, suspense e um cenário luxuoso são alguns dos elementos centrais de The Penthouse, drama da SBS que está em alta na Coreia do Sul. Semana a semana, os mistérios envolvendo os moradores de um condomínio de luxo vem quebrando recordes de audiência e conquistando o público e a crítica.

Com duas temporadas já finalizadas, The Penthouse já foi renovado mais uma vez e ganhará uma terceira fase em junho de 2021. Analisamos o que está por trás do sucesso deste k-drama para você conhecê-lo e ficar por dentro de sua história!



Suspense prende espectadores do início ao fim do drama

O condomínio Hera Palace, cenário de The Penthouse (Créditos: Divulgação/SBS)

Penthouse tem um ponto central na trama: o Hera Palace, um condomínio de luxo que abriga algumas das famílias mais poderosas de Seul.

Esta ambientação te parece familiar? O público tem comparado o drama de 2020 com Sky Castle (2018), que também lidava com muitos dos temas abordados em The Penthouse.

O drama foca em duas de suas moradoras: Shim Suryeon (Lee Jiah), esposa de um grande empresário, e Cheon Seojin (Kim Soyeon), cantora de ópera que dirige um colégio de artes. Do outro lado do espectro, temos ainda Oh Yoonhee (Eugene, ex-S.E.S), ex-colega de Seojin que luta para criar a filha.

As protoganistas de The Penthouse: Kim Soyeon, Eugene e Lee Jiah (Créditos: Divulgação/KOCOWA)

Mistérios, traições e muito mais

A história dessas três mulheres se conecta não só pelo passado e seus filhos, mas também por uma tragédia: o assassinato de Min Seolah, que é jogada do topo do Hera Palace logo no início do drama. Em meio a muito suspense e viradas da trama, vamos pouco a pouco descobrindo o que levou à morte da garota.



Sem medo de trazer polêmicas e críticas sociais

The Penthouse também não tem medo de colocar o dedo nas feridas das vidas dos ditos ricos e famosos: aborda bullying, pressão familiar, luta de classes, entre outras injustiças. Boa parte desses assuntos também é tratada no núcleo adolescente do drama, que foca nos estudantes da prestigiosa Escola de Artes Cheongah.

Os atores Han Jihyun e Kim Youngdae, que interpretam os filhos de Lee Jiah em The Penthouse (Créditos: Divulgação/SBS)

A autora Kim Soo Ok conta que idealizou o drama como seu último projeto e, por isso, quis abordar o máximo de assuntos “incômodos” possível. Inicialmente, ele seria vendido para uma grande plataforma de streaming e seria dividido em múltiplas temporadas. Segundo ela:

“Quando foi decidido que seria exibido em um canal aberto, tivemos muitas restrições, então alguns personagens desapareceram ou foram editados. Em vez disso, inseri aspectos cômicos.”

No entanto, ela garante: a trama principal de The Penthouse continuou a mesma, o que até mesmo a fez se preocupar com a reação do público, que poderia ver o drama como sensacionalista e pesado.


Recordes de audiência

Ao longo de suas duas temporadas, The Penthouse prendeu os espectadores e quebrou inúmeros recordes. De acordo com a Nielsen Korea, o final da segunda temporada alcançou 25.8 pontos percentuais de audiência em todo país, tornando-o programa mais assistido naquele dia entre todos os canais de TV.

Além disso, durante a exibição dos 13 episódios da segunda temporada, o drama foi não só o programa mais assistido às sextas e sábados, como também o programa mais visto a cada semana.

Quer dar uma chance para The Penthouse? Assista ao drama pelo Viki ou pelo KOCOWA!

Fontes: (1), (2), (3), (4)
Imagens: SBS, KOCOWA (reprodução)
Não retirar sem os devidos créditos.

Giovanna Pego

Jornalista, carioca, multifandom e sagitariana que fala demais. Defensora de girlgroups e apaixonada por k-dramas, beleza e literatura.