Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

Entrevistas

[ENTREVISTA] ONEWE revela suas fontes de inspiração, proximidade com os colegas da RBW e fanatismo por futebol

Debutados em 2019 mas juntos desde 2015, o ONEWE tem um longo caminho percorrido em sua carreira. A banda – formada por Yonghoon, Harin, Kanghyun, DongMyeongCyA – adotou o novo nome após assinar contrato com a RBW Entertainment e, com a mudança, passou a trabalhar com outros grandes nomes da música.

Os músicos participam de todas as etapas de composição dos seus sucessos e conversaram com exclusividade com a KoreaIN em meio às promoções do seu mais recente álbum, [Planet Nine : Voyager], lançado no início do mês. Em um papo descontraído e detalhista, eles falaram sobre onde buscam inspiração para compor, da convivência com os colegas de empresa e da admiração pelo futebol brasileiro.

Confira a entrevista completa a seguir.



KoreaIN: Vocês estão de volta com seu segundo mini álbum [Planet Nine : Voyager]. Parabéns! Vocês poderiam nos apresentar mais sobre as novas músicas? Nos conte sobre as inspirações e expectativas.

Yonghoon: Ah, sim, nós estamos de volta depois de 7 meses com nosso segundo mini álbum, e todos nós estamos muito animados. Este álbum é muito especial porque todos os 5 integrantes participaram da criação das letras e achamos que WEVE gostarão muito disso.



KoreaIN: A banda esteve bastante ativa durante este período de pandemia. Do lançamento do primeiro álbum – One – até o Planet Nine e os singles lançados em 2021. Como foi o ano passado para vocês? Quais desafios tiveram e como criar músicas ajudou nestes tempos difíceis?

DongMyeong: Estes são tempos difíceis por causa do coronavírus, mas a parte mais difícil foi não poder nos encontrar com nossos WEVE. Nós sempre fazemos música usando a força que WEVE nos dão, mas por não podermos nos encontrar em pessoa, ficamos muito tristes. Mesmo assim, nós trabalhamos duro fazendo música enquanto WEVE nos dava força e nos animava de toda forma possível, e, graças a isso, conseguimos enfrentar as dificuldades e seguir com nossas atividades.


KoreaIN: Qual papel cada um de vocês faz durante a criação das músicas? Quais são os processos individuais e coletivos?

Harin: Como somos uma banda, quando cada integrante traz uma nova canção, nós costumamos salvá-la e utilizá-la mais tarde, usando os pontos mais fortes e a especialidade de cada integrante, coordenando tudo durante o processo de criação. E se há uma direção em particular que um de nós gostaria de tomar, todos nós nos comprometemos com a ideia para trazer um resultado melhor.


KoreaIN: Alguns dos nomes das suas músicas têm elementos cósmicos ou climáticos. Chuva, aurora, estrela, cosmos e o último single universo. Isso é alguma coincidência? De onde vocês tiram inspiração?

Kanghyun: Como há vezes em que escrevemos nossas próprias canções, nós nos inspiramos na nossa vida diária, como no caso de “Rain To Be”, por exemplo, nós escrevemos essa canção porque sempre que estávamos a caminho de um compromisso, chovia. Nós sempre escrevemos canções que estão conectadas com nossa vida diária.



KoreaIN: Entre tantos grupos de k-pop, o ONEWE segue uma dinâmica diferente como banda. Isto lhe dá alguma liberdade no processo criativo? Como vocês se sentem sobre isto?

CyA: Para começar, toda banda tem uma imagem meio que de liberdade, né? E como nossa empresa é como uma família, e nossos hyungs produtores nos ajudam a criar nossas próprias canções, nós temos liberdade para escrever letras e fazer outras coisas. Acho que esta é uma boa direção, já que nossas músicas tem sido bem sucedidas em expressar nossos sentimentos exatamente da forma como gostaríamos.



KoreaIN: Vocês já eram ativos como uma banda antes mesmo de se tornarem o ONEWE e isto significa que vocês têm um caminho mais longo que o de outros artistas. Quais as principais mudanças que vocês viram depois de tantos anos?

Kanghyun: Primeiramente, nós estamos juntos há muito tempo, se compararmos com outros times. Somos praticamente uma família, e acho que por causa disso nossa confiança uns nos outros é muito forte. Então sempre que estamos fazendo algo, nós tendemos a apoiar uns aos outros, e acho que este é nosso ponto forte.


KoreaIN: Após se mudarem para a RBW, vocês conseguiram colaborar com vários artistas. Que conselho vocês pegaram deles?

Harin: Na nossa empresa temos ONEUS, PURPLE KISS e MAMAMOO. Ao trabalharmos juntos, mais do que receber conselhos, tivemos a oportunidade de nos tornarmos próximos. Musicalmente também, eles nos ajudaram e apoiaram muito, e por causa disso nós continuamos pensando “oh, vamos nos tornar uma banda ainda mais legal, vamos nos tornar artistas ainda melhores”. Sentimos que temos apoiadores muito fortes ao nosso lado.


KoreaIN: Vocês têm uma relação bem próxima com o ONEUS – incluindo o fato de DongMyeong e XION serem literalmente gêmeos – e colaboraram com eles várias vezes. Como é misturar estilos tão diferentes?

DongMyeong: Honestamente, nós treinamos muito juntos e ainda somos um time que se dá muito bem, tanto publicamente quanto pessoalmente. Trabalhando juntos, senti que como somos especializados em áreas diferentes, podemos aprender muito uns com os outros. Acho que em termos de música e trabalho, pudemos amadurecer e aprender muito uns com os outros.


KoreaIN: Como esta é a primeira entrevista de vocês para uma mídia brasileira, vocês poderiam compartilhar conosco as coisas que sabem ou já ouviram sobre o Brasil e a cultura brasileira? Já ouviram alguma música ou artista? Talvez interagiram com fãs brasileiros on-line antes?

Kanghyun: Nós já interagimos com fãs do Brasil através de chamadas de vídeo em lugares como Arirang TV, nós também os vemos com frequência em nosso fancafe. Para ser sincero, nós não conhecemos a cultura brasileira muito bem, mas se tivermos a chance no futuro, adoraríamos ir ao Brasil para uma série de shows e também para aprender mais sobre a cultura.

Yonghoon: Uma das coisas que eu gosto sobre o Brasil é futebol. Entre os meus jogadores favoritos, há sempre uma estrela do futebol brasileiro. Eu não sei muito sobre cantores brasileiros, mas sei que o país é muito famoso pelo futebol.


KoreaIN: Esta é a primeira vez de vocês falando diretamente com os WEVEs brasileiros. Qual mensagem gostariam de deixar para eles neste 2022?

CyA: Brasil sempre foi um dos países que eu gostaria de visitar um dia. Foi durante a Copa da África do Sul, quando estávamos no ensino fundamental? Qual foi mesmo a competição?

Yonghoon: FIFA Soccer Ball.

CyA: Enquanto assistia aquela competição, pensei que o Brasil era um país que eu realmente gostaria de visitar um dia. Gostaria de experimentar a cultura e também me apresentar. Espero que o dia em que possamos nos encontrar pessoalmente chegue logo.

DongMyeong: Para ser sincero, a distância entre o Brasil e a Coreia é muito grande, mas apesar dessa distância, eu sempre me senti próximo graças às pessoas nos apoiando. Se tivermos a oportunidade, gostaria de visitar o Brasil para sentir essa cultura tão apaixonada em pessoa, e para me apresentar e ver todos vocês. Orarei para que esse dia chegue.

Kanghyun: Muito obrigado, nossos WEVE do Brasil, por sempre nos apoiarem e esperamos que um dia possamos ir para o Brasil para encontrá-los em pessoa. Até lá, se cuidem e se mantenham saudáveis!

Harin: WEVE do Brasil, cuidado com Corona e continuem apoiando o ONEWE. Por favor aguardem por performances ainda mais legais no futuro.

Yonghoon: Honestamente, nenhum de nós esteve no Brasil, mas imaginamos que nossos fãs brasileiros sejam cheios de energia, então acho que um show lá seria muito divertido. Esperamos que o dia que possamos nos apresentar no Brasil chegue logo. WEVE do Brasil, aguardem pelo nosso novo álbum e nos deem muito amor!

DongMyeong: Hey Brasil, este foi o ONEWE pra você!

CyA: Esperamos que vocês possam ouvir muito nossa nova música! Por favor, nos apoiem em todas as plataformas. Para finalizar, Younhoon hyung, você gostaria de dizer algo para concluir?

Yonghoon: Sim, gostaríamos que vocês aguardassem e escutassem com carinho nosso segundo mini álbum Planet Nine: VOYAGER, nossa música título, “Universe_”. Fãs do Brasil, esperamos que vocês sejam sempre saudáveis e felizes. Te amo, Brasil! Obrigado! Tchau!


Assista também a entrevista em vídeo pelo canal da KoreaIN no YouTube:



Tradução: Jeiciane Torres, Ilgaz Gocen e Ramona Albu
Imagem: RBW Entertainment
Não retirar sem os devidos créditos.

Tags relacionadas:

  • Greyce Oliveira

    Cearense de Fortaleza, é metade uma humana normal professora de Inglês e metade ELF(a) precisando (talvez) de tratamento para parar de falar no Super Junior toda hora.

    K-Dramas e Filmes com Son Seok Koo K-Dramas para assistir depois de Again My Life Os perfumes dos membros do BTS Idols de K-POP parte da comunidade LGBTQIA+ 5 K-dramas com Park Jinyoung (GOT7)