loader image

Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

Cotidiano

Chorong (Apink) pede desculpas e se defende de acusações de bullying

Nesta terça (6), Park Chorong (Apink) veio a público por meio de seu Instagram compartilhar uma declaração pessoal sobre as alegações de violência escolar que foram feitas contra ela.



Em 1º de abril, a Play M Entertainment, agência da cantora, anunciou que havia entrado com uma ação legal contra uma amiga de infância de Chorong que, supostamente, a estava ameaçando com falsas alegações. Nos dias seguintes, a amiga em questão – conhecida apenas pelo sobrenome Kim -, veio a público com suas alegações falsas, acusando Chorong de ter dado um tapa em seu rosto e chutado sua canela quando ainda eram estudantes.

Em seu comunicado, a Play M declarou: “Kim, que era amiga de infância de Park Chorong, recentemente a contatou de maneira ameaçadora. Aproveitando-se da situação de Chorong ser uma figura pública, Kim ameaçou expor alegações completamente falsas, como violência e fatos sobre a vida privada de Chorong, além de tentar forçá-la a se aposentar da indústria do entretenimento“.

Kim, que revelou que pretendia entrar com uma ação contra a Play M Entertainment por suas falsas acusações, afirmou que Chorong havia inicialmente admitido a violência antes de retirar suas palavras e mudar sua história. Além disso, ela divulgou fotos de Chorong bebendo quando ainda era menor de idade.

Chorong publicou em sua conta pessoal do Instagram uma declaração em que se desculpava por beber enquanto ainda era menor, mas reafirmou sua inocência em relação as acusações de violência escolar.

A declaração completa de Chorong é a seguinte:



“Olá, aqui é Park Chorong.

Peço desculpas pelo fato de estar cumprimentando vocês com relação a uma questão infeliz.
Primeiro, antes de explicar os acontecimentos recentes, peço desculpas pelo fato de ter dado às pessoas motivos de preocupação com relação as minhas fotos bebendo quando ainda era menor. Eu magoei todos os que me apoiam com os meus erros imaturos e tolos de quando eu era jovem. Não há espaço para justificativas e peço desculpas sinceramente.
Em relação ao assunto que recentemente veio a conhecimento do público, ele teve início no fim de fevereiro e tem se estendido por cerca de um mês. Durante esse tempo, fiz um grande esforço para tentar uma comunicação amigável, mas acabou por não funcionar e lamento muito por não ter dado certo. Eu li os relatos e entrevistas relacionados a mim que foram publicados ontem.


Embora as coisas tenham chego a este ponto por causa de um mal-entendido entre nós, me sinto ainda mais torturada porque tenho lembranças de ser amiga desta pessoa desde o ensino fundamental até o ensino médio, de brincarmos e passarmos tempo juntos, então me sinto tão mal a ponto de não conseguir expressar este sentimento. Mas quero repetir mais uma vez que em relação as inverdades que se espalharam, sou completamente inocente.


Nunca, em nenhum momento, bati no rosto de Kim como ela disse, tirei suas roupas ou cometi violência contra ela. Em relação a este assunto, farei o possível para provar completamente minha inocência por meio do depoimento daqueles que estiveram presentes no momento e das transcrições de minhas ligações telefônicas com Kim.
Finalmente, feri terrivelmente todos os fãs que me apoiaram e apoiam durante os 10 anos desde a minha estreia. Eu estava com medo de que, devido a este incidente, vocês pudessem sentir como se minhas palavras e ações sinceras até este ponto fossem falsas, e eu também estava com medo de decepcionar os fãs que me apoiaram e acreditaram em mim.
Não sinto nada além da vontade de me desculpar com as minhas colegas do Apink, nossos fãs, os staffs de nossa agência e com todas as pessoas que me ajudaram.

A todos os nossos fãs e integrantes do Apink, peço perdão por ter que transmitir esse tipo de notícia no nosso 10º aniversário e inclino minha cabeça em sincero pedido de desculpas”.

Fonte: (1), (2), (3), (4)
Imagem: Reprodução
Não retirar sem os devidos créditos.

Helen Melo

23 anos. Apaixonada por música, encontrou no K-World sua fonte de serotonina diária. ELF de carteirinha e membro do mundo hallyu desde 2012, busca levar o amor pela cultura asiática do Oiapoque ao Chuí.

Performances do KPOP que usam a Língua de Sinais GIRLS PLANET 999: Conheça o novo survival show da Mnet 5 Dramas com Kim Seonho Porque Idols de KPOP debutam no Japão? 8 apresentações icônicas do KPOP