loader image

Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

K-drama TV

15 K-dramas que foram baseados em fatos reais

Se você é apaixonado por dramas com histórias intensas, cheias de emoção, e ainda quer conhecer mais sobre os fatos históricos da Coreia do Sul, não pode deixar de assistir os dramas baseados em fatos reais.

Pensando nisso, a KoreaIN listou alguns títulos incríveis para você aproveitar:



1. Mr. Sunshine, um raio de sol (2018)

É claro que vamos começar com este clássico.
Apesar de o romance principal não ser baseado em um romance real e os personagens não serem figuras reais na história, o drama retrata fielmente um período histórico muito importante para a Coreia. A história se passa entre os anos de expedição americana à Coreia em 1871 até o período em que a Coreia se torna colônia japonesa, em 1910. É um período histórico conturbado e repleto de mortes, portanto, não espere um final feliz neste drama. Mas pode apostar que você irá se emocionar muito e, principalmente, conhecer e aprender um pouco mais deste período tão difícil para a Coreia do Sul.

O enredo é focado em um menino coreano de uma família pobre que acaba nos Estados Unidos depois de ver seus pais morrerem e retorna à sua terra natal anos depois como um oficial do exército americano, Eugene Choi (Lee Byung Hun) se apaixona por Ae-sin (Kim Taeri), filha de um aristocrata, e descobre um esquema sombrio para colonizar o país de onde fugiu. Ae-sin tenta descobrir se Eugene é amigo ou inimigo do país, enquanto eles vão descobrindo o que a palavra “amor” significa.

Disponível na Netflix.
Gênero: Drama Histórico
Nº de episódios: 24


2. Signal (2016)

Esse é para aqueles que amam séries policiais com casos horripilantes de assassinatos em série. E sim, os casos descritos na série são baseados em casos reais. A série retrata os assassinatos em série que aconteceram entre os anos 1986 e 1991, na província de Gyeonggi. Outros diretores coreanos se aventuraram em retratar estes casos, você pode conferir o filme “Memórias de Assassinato” de 2003 e o drama “Gap Dong” de 2014.

A história é baseada em um criminal profiling Park Hae-young (Lee Je-hoon), que resolve um caso de sequestro com a ajuda de um walkie-talkie misterioso que ele encontrou. Depois do sucesso deste caso, é criada uma equipe para resolver casos arquivado, liderada pela Detetive Cha Soo-hyun (Kim Hye-soo). Com a ajuda do detetive Lee Jae-han (Cho Jin-woong) a pessoa do outro lado do walkie-talkie, Park Hae-young resolve outros casos arquivados que permaneceram sem solução por anos.

Disponível na Netflix.
Gênero: Policial
Nº de episódios: 16


 3. The Empress Ki (2014)

Podemos começar dizendo que será um desafio assistir este drama. Ele é composto por 51 episódios com aproximadamente 1hr de duração cada. Mas compensa cada segundo. O drama retrata uma grande parte da história real da Imperatriz Ki (Ha Ji-won), uma mulher nascida em um reino pequeno chamado Goryeo e levada à força para o Império Mongol, como uma Gungnyeo (escravas do palácio) e que de uma forma deslumbrante, superou seu status humilde e se tornou imperatriz em uma terra que não era dela. 

Disponível no Viki
Gênero: Drama Histórico
Nº de episódios: 51



4. Move To Heaven (2021)

Move To Heaven foi lançado este ano e é baseado em um ensaio não-fictício com o título “Things Left Behind”, escrito por Kim Sae Byul. A série retrata a história de um limpador de cenas traumáticas sul-coreano de uma forma muito singela e impactante.

Geu-ru (Tang Joon-sang), um adolescente com síndrome de Asperger, e seu tio ex-presidiário, Sang-gu (Lee Je-hoon), se encontram pela primeira vez após a morte repentina do pai de Geu-ru. Sang-gu se junta ao sobrinho para ajudar a administrar a empresa de limpeza de traumas da família. No decorrer da série, eles descobrem histórias não contadas sobre os falecidos enquanto Sang-gu tenta lidar com sua dor do passado.


Disponível na Netflix
Gênero: Drama
Nº de episódios: 10


5. Hwarang: The Poet Warrior Youth (2017)

Este K-drama é para aqueles que amam a participação de idols em séries. O elenco conta com três idols: MinHo (SHINee), Kim Taehyung (BTS) e Park Hyung Sik (ZE:A). 

A história gira em torno de um grupo de elite de jovens chamados “Hwarang”, que descobrem sua paixão, amizade e amor na turbulência do Reino de Silla (57 aC-935 dC). Moo-myung (Park Seo-joon), Sammaekjong (Park Hyung-sik), Soo-ho (Choi Min-ho), Ban-ryu (Do Ji-han), Yeo-wool (Cho Yoon-woo), Han-sung (Kim Tae-hyung) e Ah-ro (Go Ara) buscam por justiça em Seorabeol, a capital do reino e um deles se torna o Rei Jinheung de Silla.

Os personagens e acontecimentos são fictícios, porém, a ambientação dos tempos do Rei Jinheung foi fiel e é possível perceber diversos contextos históricos reais durante a série.

Disponível no Viki
Gênero: comédia
Nº de episódios: 20


6. The Hymn of Death (2018)

E voltando ao tempo em que a Coréia sofreu pela ocupação japonesa (1910 até 1945), temos este drama histórico maravilhoso. O drama se passa na década de 1920 e retrata o romance real de dois personagens históricos, Kim U-Jin (Lee Jong-Suk) e Yun Sim-Deok (Shin Hye-Sun). O título original faz referência a uma música muito famosa em países asiáticos chamada “Eulogy of Death” (Discurso da Morte), cuja história teve várias adaptações para o teatro.

Kim Woo-Jin é um escritor de teatro casado, mas se apaixona por Yun Sim-Deok, a primeira soprano coreana. Ela grava a canção “Praise of Death”, que se torna a primeira canção pop coreana em 1926.

Disponível na Netflix
Nº de episódios: 6
Gênero: Romance 


7.The Fifth Republic (2005)

The Fifth Republic retrata a Quinta República da Coreia do Sul, durante a ditadura de Chun Doo-hwan (1981 a 1988). O enredo da série mostra os truques e artimanhas do presidente desde sua ascensão ao poder por meio de um golpe militar até sua queda após uma série de movimentos democráticos, como o levante de Gwangju (já falamos deste levante por aqui).

A série também retrata a história dos dezessete ex-políticos e assessores-chave do presidente Chun (Lee Deok-hwa), sendo alguns deles: Chang Se-dong (Hong Hak-pyo), seu ex-chefe de gabinete; o legislador Hur Hwa-pyong (Lee Jin-woo) e Jeong Ho-yong (Yoon Seung-won), ex-chefe do Estado-Maior do Exército. Essa série gerou muita polêmica quando foi lançada e suscitou muitas controvérsias de pensamentos políticos.

Disponível na Netflix
Nº de episódios: 41
Gênero: Drama



8. Queen For Seven Days (2017)

Bem, esta não é baseada em fatos reais, mas sim em uma lenda sul-coreana muito famosa. O drama retrata a história de amor entre o rei Jung Jong (Yeon Woo-jin) e sua rainha Dan Kyung (Park Min-young), que foi coroada e deposta uma semana depois, por facções políticas rivais que controlavam o governo do rei. A contextualização histórica neste drama é bem fiel e vale a pena assistir para conhecer mais sobre essa lenda coreana.

Disponível no Viki
Gênero: Romance
Numero de episódios: 20


9. Reply 1988 (2015)

É a terceira produção da famosa série “Reply”. Este drama ambienta fielmente o ano de 1988 e gira em torno de cinco amigos e suas famílias que vivem no mesmo bairro. O personagem principal foi baseado vagamente em um famoso jogador coreano de Go, Lee Chang-ho

Apesar de as histórias não serem totalmente reais e ser baseado apenas vagamente em um jogador, todas as séries Reply ficaram muito conhecidas por sua ambientação extremamente fiel aos anos que desejavam retratar e os críticos disseram que é como reviver novamente aquele ano.

Duk-Sun (Hyeri), Jung-Hwan (Ryoo Joon-Yeol), Sun-Woo (Ko Gyung-Pyo) e Dong-Ryong (Lee Dong-Hwi), estudantes do ensino médio e Taek (Park Bo-Gum), um jogador de Go, são amigos desde crianças. Todos eles cresceram juntos como vizinhos e suas famílias também são muito próximas. Juntos, eles vivenciam a adolescência enquanto tentam encontrar perspectivas sobre o futuro.

Disponível no Viki
Nº de episódios: 20
Gênero: Comédia


10. Six Flying Dragons (2015)

Este drama conta a história da fundação da Dinastia Joseon na Coréia e as ambições, sucessos e conflitos de vários personagens reais e alguns fictícios. O foco do enredo é no príncipe Lee Bang Won (Yoo Ah-In), que ajuda seu pai a estabelecer a Dinastia Joseon.
Além do príncipe, existem outros personagens que retratam pessoas reais que fizeram história, como Jeong Do Jeon (Kim Myung-Min), o erudito confucionista que projetou a dinastia Joseon; Lee Bang Won (Yoo Ah-In), o quinto filho do General do reino Lee Seong Gye (Futuro rei Tae Jo) e Lee Song Gye (Cheon Ho-Jin), general do exercito de Goryeo.

O enredo é bem complexo e, por tentar ser muito fiel aos períodos e acontecimentos políticos, o drama ficou bem extenso, com 50 episódios. Mas não é cansativo e você pode esperar um misto de emoções, choro, alegria e raiva.

Disponível no Viki
Gênero: drama histórico
Nº de episódios: 50


11. Just Between Lovers (2017)

Este drama emocionante foca exclusivamente na tragédia de Sampoong, que chocou os coreanos na época. O drama retrata a queda de um shopping em 1995 e o enredo mostra a vida de sobreviventes e parentes após os acontecimentos de uma maneira bastante profunda e realista. Este drama explora muitas visões e camadas sobre o mesmo fato. Outra série que retrata o mesmo acidente é Chocolate, de 2019 e Move to Heaven de 2021.

Lee Gang-Doo (Lee Joon-Ho) sonhava em se tornar jogador de futebol, antes do acidente em que seu pai morreu e ele quebrou a perna, passando por três anos de reabilitação. Desde o acidente ele vive desperdiçando seus dias e sem perspectiva de futuro, até conhecer Ha Moon-Soo (Won Jin-A), uma estudante de arquitetura, que perdeu seu irmão mais novo no acidente e se sente culpada por ter sobrevivido.

Disponível no Viki
Gênero: Drama
Nº de episódios: 16


12.Miss Hammurabi (2018)

Este drama retrata o dia a dia de juízes, com o foco principal na juíza novata Park Cha Oh Reum (Go Ara), que tem apenas 20 anos. Junto com seus amigos, Im Ba-Reun( Kim Myung-Soo) e Han Se-Sang (Sung Dong-Il), Park Cha Oh Reum aprende sobre a lei e cresce muito como juíza. A série aborda casos reais e demonstra como é difícil para um juíz encontrar a verdade nos casos.
A série é baseada em uma coluna escrita pelo juíz Moon Yoo Seo e que foi publicada em 2015 no jornal The Hankyoreh. Há também um livro, de mesmo nome que retrata estes casos jurídicos.

Disponível no Viki
Nº de episódios: 16
GÊnero: Drama



13. The Nokdu Flower (2019)

É um drama épico baseado em fatos históricos. A história se passa durante a Rebelião Camponesa Donghak (1894-1895) e retrata dois meios-irmãos que lutam em lados opostos dessa rebelião. Esse drama foca na luta do povo, portanto, aguarde por histórias trágicas, mas que deixam uma mensagem de esperança e coragem em nossos corações.
Ao longo da trama, os nomes históricos que foram importantes para este período são mencionados e enfatizados quando aparecem, mas é importante entender que, apesar de muitos dos acontecimentos serem reais, o drama acrescenta muitos personagens fictícios e os personagens principais não são reais.

Nº de episódios: 48
Gênero: drama histórico


14. Miss Ripley (2011)

Baseado em um caso real de uma professora de Artes da universidade de Dongguk chamada Shin Jung Ah, ela era professora e curadora de artes, mas foi descoberta por ter forjado seus créditos para ser contratada, com a ajuda do secretário presidencial Byun Yang Kyoon. Além disto, o drama mostra que ela desviou fundos do patrocínio corporativo da galeria de arte na qual ela era curadora.

Disponpivel no Viki
Genero: Romance
Nº de episódios:  16


Sandglass (1995)

E para finalizar a lista com chave de ouro, temos outro drama que retrata a revolta de Gwangju, mas este é sem dúvida, o mais importante de todos os dramas que falam sobre o assunto.
Apesar de não ser famoso no Brasil, ele foi muito popular na Coreia e, no ano em que foi lançado, ele foi extremamente ousado em representar este período tão difícil. O drama deu visibilidade à violência sofrida pelo povo coreano e à corrupção do governo militar do ex-presidente Chun Doo-hwan. Além disso, alguns estudiosos políticos acreditam que o efeito deste drama acabou influenciando o julgamento de Chun Doo-hwan e culminou na sua condenação à morte por crimes cometidos contra a nação.

Nº de episódios: 24
Gênero: Drama

Divirtam-se!

Fontes: (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (8) (9) (10) (11) (12) (13) (14)
Imagens: Reprodução
Ana Raíssa da Luz
Não retirar sem os devidos créditos


Ana Raíssa Luz

22 anos, mineira, professora de música (graduando em licenciatura em educação musical escolar) faço pesquisas na área de neurociência e sou army. Vivo uma eterna paixão pela Coréia.

Performances do KPOP que usam a Língua de Sinais GIRLS PLANET 999: Conheça o novo survival show da Mnet 5 Dramas com Kim Seonho Porque Idols de KPOP debutam no Japão? 8 apresentações icônicas do KPOP