Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

Turismo

Número de estrangeiros permanecentes na Coreia do Sul caiu 3,9% em 2021

Na última quarta (26), o escritório do Departamento de Imigração da Coreia divulgou que o número de estrangeiros permanecentes no país diminuiu 3,9% no ano de 2021.

Em números, 1.96 milhões de estrangeiros estavam permanecendo no país no ano passado. Isto representa uma diminuição de 3,9% dos 2.04 milhões registrados em 2020. Dentre os que ainda permanecem no país, 1.57 milhões são residentes a longo prazo e 386 mil permanecerão por apenas 90 dias, o tempo máximo permitido pelos vistos de turistas.

O fato é atribuído à queda do número de estrangeiros que chegam à Coreia por causa da pandemia de COVID-19, que atingiu o país no início de 2020.

A maioria dos estrangeiros permanecendo na Coreia são chineses, totalizando 840 mil pessoas. Em segundo estão os coreanos com nacionalidade estrangeira, sendo estes 614 mil. Em terceiro lugar vem os vietnamitas, com 208 mil. A lista é completa pelos tailandeses, com 171 mil, e os estadunidenses com 140 mil.

O Departamento de Imigração também divulgou quais regiões possuem maior população de estrangeiros. Em primeiro está a cidade de Gyeonggi com 360 mil residentes. A capital Seul vem em segundo com 226 mil. Incheon e Gyeongsang do Sul completam a lista com 66 mil e 63 mil respectivamente.

No ano passado, 21.160 estrangeiros pediram nacionalidade coreana, que foi concedida à 13.636 destes. Os dois países que mais conseguiram cidadania foram a China (5.145 cidadãos) e o Vietnã (4.225).

Fonte: (1)
Imagem: Aclipse.net
Não retirar sem os devidos créditos.

Tags relacionadas:

Greyce Oliveira

Cearense de Fortaleza, é metade uma humana normal professora de Inglês e metade ELF(a) precisando (talvez) de tratamento para parar de falar no Super Junior toda hora.

5 K-Dramas com Kim Min Kyu Artistas do k-pop que não nasceram na Coreia Faixas do K-pop que destroem os haters Locais de filmagem do K-Drama My Liberation Notes Filmes com a Tokyo de La Casa de Papel Coreia