Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

Política

Equipe de transição de Yoon Suk-yeol considera flexibilizar lei sobre tatuagens

Nesta quarta (13), a equipe de transição do presidente eleito Yoon Suk-yeol revelou que estuda a possibilidade de flexibilizar a lei sul-coreana sobre tatuagens.

Apenas profissionais que possuam licença médica são autorizados a tatuar na Coreia do Sul. Ou seja, pela lei, até mesmo tatuadores profissionais com anos de experiência operam de forma ilegal no país. Um dos fatores que levou o assunto a ser discutido foi o aumento da popularidade das tatuagens especialmente entre os jovens.

Nas palavras de um porta-voz: “Sob a atual lei, não só os tatuadores, como também pessoas recebendo tratamento para tatuagens são consideradas infratores. Há um consenso de que isso é um aspecto irracional e que deve ser melhorado“.

Estimativas apontam que o mercado das tatuagens movimente cerca de 1.2 trilhão de wones (mais de R$ 4.5 bilhões).

No mês passado, o Tribunal Constitucional decidiu que punições a pessoas acusadas de tatuar sem licença médica não são contra a lei. O clamor pela mudança da lei partiu de uma petição feita por tatuadores que pedia o fim da ilegalidade de suas profissões. Os juízes decidiram manter a legislação por 5 votos a 4.

Aqueles que forem detidos sob a atual lei podem receber penas de até dois anos de prisão ou multa de 10 milhões de wones (mais de R$38 mil).

Fonte: (1)
Imagem: Ed Jones (AFP)
Não retirar sem os devidos créditos.

img

    Inscreva-se no Telegram da KoreaIN e saiba tudo sobre a Coreia do Sul e o K-POP.


Greyce Oliveira

Cearense de Fortaleza, é metade uma humana normal professora de Inglês e metade ELF(a) precisando (talvez) de tratamento para parar de falar no Super Junior toda hora.

Curiosidades do BL coreano Cherry Blossoms After Winter Idols de K-Pop que possuem tatuagens 7 K-Dramas com Ahn Hyo Seop Motivos para assistir o K-Drama Twenty-Five Twenty-One Curiosidades sobre o K-drama BL Semantic Error