loader image

Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

K-pop Música

Confira alguns dos principais debuts do primeiro semestre de 2021

Com a primeira metade do ano terminada, algumas estreias esperadas chegaram para acalentar nossos corações. Além dos grupos novos, alguns rostos conhecidos iniciaram suas carreiras solo trazendo incríveis álbuns e e batendo recordes.

Separamos, então, alguns dos principais debuts do primeiro semestre de 2021. Confira.



BamBam



Na ativa desde 2014 com o GOT7, BamBam fez sua estreia solo em 15 de junho com seu mini-álbum Ribbon. O disco possui seis faixas, sendo a maioria composta e produzida com a ajuda do próprio BamBam.

Após o lançamento do álbum, BamBam já ocupava o topo no iTunes Top Albums Chart em pelo menos 14 países e ficou em 7º lugar na parada de vendas do Gaon Chart, tendo mais de 103.156 cópias vendidas.

Além disso, a faixa-título riBBon dominou as paradas de música do iTunes em pelo menos 29 países, incluindo Tailândia, Camboja e Quênia. O single também liderou as paradas em tempo real do Genie, tornando BamBam o primeiro solista masculino em 2021 a atingir o topo da parada.

O videoclipe de “riBBon” ultrapassou 50 milhões de visualizações em 15 dias.

Leia mais: [ENTREVISTA] BamBam conta sobre debut solo, apoio do GOT7 e vontade imensa de visitar o Brasil


Ciipher

O Ciipher é o primeiro boygroup a estrear sob a Rain Company, agência fundada pelo cantor Rain. Eles realizaram sua estreia no dia 15 de março com a vibrante I Like You, título do também mini-álbum. Dois dos membros do grupo, Tag e Keita, tiveram participação na produção da música. A preparação levou cerca de três anos para ser concluída.

Leia mais: [K-PROFILE] Rain Company apresenta seu 1º boygroup: conheça o Ciipher


JAY B

O primeiro single solo de JAY B, líder do GOT7, após deixar a JYP estreou em 1º lugar no iTunes mundial e superou a cantora Katy Perry. A música Switch It Up, gravada em colaboração com o rapper Sokodomo e produzida por Cha Cha Malone marca uma virada na carreira de JAY B, tornando-se a música de sua estreia na H1GHR MUSIC. O sucesso momentâneo da música veio refletido em números. O videoclipe ultrapassou 885 mil visualizações em menos de 12 horas de divulgação.



MIRAE



O grupo debutou no dia 17 de março pela DSP Media com o álbum Killa. Com seis canções no total, o álbum inclui a faixa-título KILLA. Dois membros do grupo fizeram parte da criação de algumas músicas do álbum: Kael, com as música Swagger e Sweet Dream, e Lien participou da composição de Sweet Dreams.

E os fãs do MIRAE já podem ficar ansiosos, pois o grupo anunciou hoje seu primeiro comeback, previsto para ser lançado dia 25 de agosto.

Leia mais: [K-PROFILE] Conheça o MIRAE, novo boygroup da DSP Media


PURPLE K!SS



O grupo formado por sete meninas estreou no dia 15 de março com o mini-álbum Into Violet. O álbum contém sete canções, incluindo a faixa-título Ponzona, que foi co-escrita por Kan Ji Won e as integrantes Na Go Eun e Swan. O grupo estreou com as vendas mais altas de um girlgroup da década de 2020, vendendo 7.156 cópias somente no primeiro dia. O álbum também ficou em 2º lugar no ranking de álbuns em tempo real do Hanteo Chart.

Leia mais: [K-PROFILE] Nova aposta da RBW, grupo PURPLE KISS lança seu debut “Ponzona”


Rosé



Rosé, do BLACKPINK, fez sua estreia solo em 12 de março de 2021 com o álbum -R- e a faixa principal On the Ground. Em maio, ela tornou-se a cantora solo de k-pop a bater mais rapidamente 100 milhões de streams no Spotify com a faixa de k-pop mais lucrativa de 2021 da plataforma. Somente nas primeiras 24 horas de divulgação, o MV já havia superado 39 milhões de visualizações.

Com números impressionantes de venda, sendo mais de 400 mil cópias vendidas, o álbum quebrou recorde de maior alcance por um artista solo na Coreia do Sul. A música também conquistou a 70ª colocação no Hot 100 da Billboard, o que fez de Rosé a cantora solo de pop a ter a posição mais alta dentro da parada. A última cantora solo do pop sul-coreano a conseguir uma posição alta no ranking havia sido CL, que ocupou a posição 94 em 2016.



TRI.BE

As meninas do TRI.BE estrearam em 17 de fevereiro com o single-álbum “TRI.BE Da Loca”. O grupo, que tem o nome de uma combinação das palavras “Tri” (abreviação de triângulo) e “Ser”, é o primeiro grupo da maior empresa musical do mundo, a gravadora Universal Music, junto do produtor e compositor coreano Shinsadong Tiger.

O grupo classificou-se em 4º lugar na parada “Top 5 Korean Rookie Artists” do KKBOX, o maior site de música on-line de Taiwan.

Leia mais: [EYES ON YOU] Girlgroup TRI.BE mostra todo seu talento em “DOOM DOOM TA”


Yugyeom

E vamos com mais um membro do GOT7 na lista. Yugyeom teve sua estreia solo pela AOMG com seu primeiro álbum Point Of View: U. O lançamento do álbum foi acompanhado da estreia do MV de All Your Fault, em colaboração com GRAY. O álbum ficou em 10º na lista de álbuns mais vendidos da Coreia do Sul.


I.M



O rapper I.M (do MONSTA X) fez sua estreia solo no dia 19 de fevereiro, com o mini-álbum digital Duality. Com autonomia e originalidade, o álbum conta com cinco faixas com músicas como God Damn e Flower-ed.

O mini-álbum chegou ao topo das tabelas do iTunes, superando álbuns de artistas como Ariana Grande e Coldplay. O álbum ocupou também o 1° lugar em 18 regiões por todo o mundo, incluindo Brasil, Hong Kong e Rússia, entrando também no top 10 da tabela de Best-selling Digital Songs da Amazon.

 Fonte: (1), (2), (3), (4)
Imagem: divulgação
Não retirar sem os devidos créditos.

Isabela Ávila

 Formada em moda, apaixonada por livro, filme, música e café nessa ordem.

Performances do KPOP que usam a Língua de Sinais GIRLS PLANET 999: Conheça o novo survival show da Mnet 5 Dramas com Kim Seonho Porque Idols de KPOP debutam no Japão? 8 apresentações icônicas do KPOP