Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

Cotidiano

Yoon Suk-yeol sugere que Moon Jae-in fique com os mascotes presidenciais

O mês de abril está próximo e trará com ele o final do mandato de Moon Jae-in como presidente da Coreia do Sul. A partir de 1º de maio, Yoon Suk-yeol tomará posse como o 20º presidente eleito da nação.

Com a saída de Moon, uma dúvida surgiu: Quais serão os destinos de Gomi e Songang, os mascotes presidenciais?

Gomi e Songang foram presentes do líder norte-coreano Kim Jong-un para Moon como um símbolo de paz na península. Os cães são da raça pungsan, considerada um patrimônio do país desde 1956. E não é só isso, pouco tempo após chegar na nova casa, Gomi deu à luz a seis filhotinhos, aumentando ainda mais a linhagem.

Filhotinhos da cachorrinha Gomi.
Créditos: Casa Azul

Porém, um detalhe pode atrapalhar este clima de fofura. Os presentes dados ao presidente, por lei, pertencem ao estado. Geralmente, eles são mantidos no Arquivo Presidencial, algo impossível de ser feito nesse caso já que Gomi e Songang são seres vivos. A lógica baseia-se no fato de que os bens foram dados ao Presidente da Coreia do Sul, não à pessoa física Moon Jae-in.

Apesar da preocupação, Yoon Suk-yeol declarou na última quarta (23) que está disposto a dar os cachorros para seus antecessor político. Segundo ele: “Se Moon der os cachorros para mim, farei meu melhor para cuidar deles… mas, da perspectiva dos próprios animais, acho que seria melhor para eles ficarem com quem cuidou deles até então“.

Calma que isso não significa que a Coreia ficará sem um mascote. Na realidade, o país ganhará um time e tanto deles. Yoon e a futura primeira-dama Kim Keon-hee têm nada menos que quatro cachorros e três gatos. Ou seja, quem é adepto do time dos felinos agora também terá opção de acompanhar as novidades sobre os mascotes.

Fonte: (1), (2)
Imagens: Casa Azul
Não retirar sem os devidos créditos.

img

    Inscreva-se no Telegram da KoreaIN e saiba tudo sobre a Coreia do Sul e o K-POP.

Tags relacionadas:

  • Greyce Oliveira

    Cearense de Fortaleza, é metade uma humana normal professora de Inglês e metade ELF(a) precisando (talvez) de tratamento para parar de falar no Super Junior toda hora.

    5 K-Dramas com Kim Min Kyu Artistas do k-pop que não nasceram na Coreia Faixas do K-pop que destroem os haters Locais de filmagem do K-Drama My Liberation Notes Filmes com a Tokyo de La Casa de Papel Coreia