K-HipHop K-Indie K-pop

Grupos coreanos que completam 15 anos em 2021

Atualmente, com o gênero em alta, incontáveis grupos de k-pop debutam todos os anos. Com a enorme rotatividade em que a indústria se encontra, grupos aparecem e desaparecem como se fosse rotina. Porém, entre muitos disbands e peixes novos, alguns grupos permanecem na indústria até hoje, com uma trajetória cheia de sucessos e com muita luta e esforço. Por isso, hoje a KoreaIN veio te contar um pouco da história de grupos que completam 15 anos em 2021. Quer saber mais? Então confira:



SEEYA

Créditos: Divulgação | MBK Entertainment

Seeya é um grupo formado pela MBK Entertainment, antiga Core Contents Media, que debutou no dia 24 de fevereiro de 2006. O grupo era formado por Kim Yeon JiLee Bo Ram e Nam Gyu Ri e teve sua estreia com o mini-álbum The First Mind. Apenas um ano depois do debut, o grupo ficou conhecido pela música Love’s Greeting, que ganhou diversos prêmios, incluindo um Bonsang no Golden Disc Awards.

Depois de um sucesso atrás do outro, em 2009 a integrante Nam Gyu Ri decidiu deixar o grupo para focar em sua carreira de atriz. Sua saída causou uma grande controvérsia, já que as outras meninas falaram publicamente o quanto estavam decepcionadas com a decisão. Logo em seguida, foi anunciado a entrada de Lee Soo-mi no grupo, porém, a cantora não permaneceu nem um ano. Depois da saída de Soo-mi, em 2010, foi anunciado o disband do Seeya, com o álbum See You Again, com Gyu Ri, que decidiu voltar para o grupo e participar do projeto final.

Em 2012, a empresa anunciou que iriam debutar um novo grupo chamado The Seeya, que seria como um grupo derivado do oficial Seeya, mas constituído apenas de 4 novas integrantes. Contudo, o grupo foi retirado do perfil da empresa em 2015 e a integrante Yoojin revelou em 2016 que o grupo realmente havia dado disband.

Em 2020, as três integrantes originais do Seeya, Yeon Ji, Bo Ram e Gyu Ri, aparecem como convidadas no programa Two Yoo Sugarman da JTBC. Durante o programa, elas revelaram que eram muito novas na época e por isso tiveram problemas decorrentes da falta de comunicação. Mas o grupo revelou que hoje são amigas e que planejam voltar com um álbum futuramente. O plano era um álbum de comeback em 2020, mas acabou sendo adiado pelos compromissos pessoais de cada uma. Agora, depois de 15 anos, esperamos ansiosamente por uma atualização dos próximos passos do grupo.


BROWN EYED GIRLS

Créditos: Divulgação | Mystic Story Entertainment

Com seu debut oficial no dia 2 de março de 2006, o Brown Eyed Girls estreou na indústria com a title Come Closer, pela empresa Nega Network e, poucos anos depois, já contava com uma visibilidade enorme na Coreia do Sul. Em 2009, elas lançaram o sucesso Abracadabra, que logo se tornou uma das maiores músicas do ano e trouxe ao grupo prêmios como “Melhor Grupo Feminino” no MAMA, e “Bonsangs” no Cyworld Digital Music Awards e no Seoul Music Awards.

O single trouxe uma sonoridade nova para indústria com o uso de efeitos e uma pegada mais eletrônica, e com ele tivemos a introdução de uma das danças mais icônicas do gênero. Ainda hoje, a intitulada “Dança Arrogante” (movimento de cruzar os braços e mexer os quadris) permanece como uma das coreografias mais marcantes do k-pop.

As integrantes do grupo também tiveram lançamentos solos. JeA teve diversos trabalhos solo, como seu EP Just JeA, lançado em 2013. A cantora também foi uma das mentoras do programa Produce 101 (1° temporada), e em 2020 lançou músicas com rappers como Cheetah e Moonbyul (MAMAMOO). Narsha focou mais na sua carreira solo na TV e participou de diversos programas de variedades, além de lançar um mini álbum em 2010.

Já entre os trabalhos solo de Gain, podemos citar músicas como Carnival (The Last Day)We Fell In Love, uma parceria com Jo Kwon (2AM), com quem foi par no programa We Got Married. Por fim, Miryo focou mais em plataformas onde tinha mais liberdade e comunicação mais livre com seus fãs. Assim, ela criou seu canal no YouTube, onde fala sobre diversos assuntos, e seu canal na Twitch, plataforma de lives de jogos on-line. Além disso, a rapper também leva o primeiro lugar no ranking de idols femininas com mais composições, se mostrando um talento sem igual.

Com seu último álbum sendo de 2019, o grupo que continua com a sua formação original comemora seus 15 anos em 2021 e promete ter uma longa história, recheada de sucessos e com expectativas enormes.


[VEJA MAIS] Trajetória: a história do Brown Eyed Girls em 15 anos de carreira no k-pop


ELUPHANT

Créditos: Divulgação | Brand New Music

Eluphant é uma dupla de Hip Hop formada por Kebee e Minos. Com seu primeiro álbum, Eluphant Bakery, lançado em 31 de março de 2006, a dupla fez sua estreia na indústria musical com a empresa Soul Company, onde Kebee era CEO junto com o rapper The Quiett.

Inicialmente Eluphant era somente um projeto, como uma mixtape de colaboração entre dois artistas solos. Com cada um focado em sua própria carreira, o primeiro álbum permaneceu o único do duo por 4 anos. Contudo, no final de 2010 foi oficializado a formação da dupla entre os dois, chamada de Eluphant, e logo em seguida tivemos o lançamento do álbum Man On The Earth, que foi seu primeiro álbum como um duo oficial.

Como a empresa estava passando por grandes mudanças e Kebee precisava se alistar, Eluphant decidiu deixar a Soul Company. Depois do cumprimento de seu tempo no exército, eles fundaram a empresa Standart Music Group, que durou apenas 2 anos. Depois disso, em 2015, eles assinaram com a Brand New Music, sua atual gravadora, lançando o álbum Man On The Moon.

Atualmente, o ambos continuam bem ativos, lançando frequentemente trabalhos solos, e em nome da dupla. Em 2019, eles voltaram com o álbum “4“, cujo a faixa principal era uma colaboração com a cantora Punch.



BIGBANG

Créditos: Divulgação | YG Entertainment

Considerado um dos maiores grupos do k-pop, o BIGBANG teve seu debut oficial no dia 19 de agosto de 2006, pela YG Entertainment. Constituído originalmente por cinco membros, G-Dragon, T.O.P, Taeyang, Daesung e Seungri, o grupo é conhecido por sua discografia impecável, que conta com hits como Bang Bang Bang, Fantastic Baby, Lies, Loser e Fxxk It. Além disso, G-Dragon e T.O.P são considerados dois dos maiores rappers da indústria e contam com sucessos solos como Crooked, Crayon e Doom Dada. Com as músicas sendo escritas e produzidas pelos próprios membros, principalmente por G-Dragon, o grupo trouxe um som inovador ao misturar o hip hop com o pop eletrônico e, com isso, conquistou toda uma nação.

Taeyang também emplacou diversos trabalhos solo nos charts ao redor do mundo, como single emotivo Eyes, Nose, Lips, title do seu álbum Rise. Daesung e Seungri não ficaram para trás, eles apareceram em diversos programas coreanos e japoneses, além de também trabalharem com músicas solo. Depois de tantos sucessos, o BIGBANG lançou a faixa intitulada Flower Road, dedicada aos VIPs, onde anunciavam o hiato consequente do alistamento dos membros.

Em 2019, Seungri anunciou que estava deixando totalmente sua carreira de ator e cantor, consequentemente, deixando o BIGBANG. Esta ação drástica foi tomada após ter sua imagem manchada com o escândalo da Burning Sun. Hoje, Seungri já respondeu por 9 acusações no Tribunal.

Atualmente, com o grupo formado por 4 membros, há grande expectativa pelo próximo comeback, apesar de não haver datas ou anúncios oficiais. É esperado que o novo álbum seja um comemorativo especial de 15 anos.


[VEJA MAIS] [Playlist] BIGBANG 10 anos: De “la-la-la” a “Bang Bang Bang”


DICKPUNKS

Créditos: Divulgação | GIG Entertainment

Dickpunks é uma banda sul-coreana formada em novembro de 2006. Composta por 4 integrantes, Kim Taehyun (vocalista), Kim Hyunwoo (tecladista), Kim Jaeheung (baixista) e Park Garam (baterista), o grupo foi formado com a intenção de ter um som voltado ao teclado/piano, com uma sonoridade leve e divertida, sendo um conceito diferente das bandas de rock da época. Essa sonoridade única e característica chamou atenção, pelo menos o suficiente para começarem a construir uma fanbase em Hongdae, sua “terra natal”.

Em 2012, a banda decidiu participar do programa de talentos Superstar K4, onde ficaram em 2° lugar e ganharam muito reconhecimento. Aproveitando a onda de fama, o Dickpunks lançou o álbum Viva Primavera, seguido do álbum Hello Goodbye, que foi lançado no mesmo ano.

Seguindo a linha sonora ousada e de sucesso, a banda lançou OSTs para dramas como Cinderela e os Quatro Cavaleiros, Amor com Falhas e Leverage, e também participaram de programas como Immortal Songs 2. Além disso, vale lembrar que os integrantes compõem e escrevem suas próprias músicas.

Com seu último álbum, Ordinary Days, lançado no final de 2020, ainda há a sensação de constante inovação e frescor nas músicas da banda, mas sem perder seu som característico. Mesmo depois de 15 anos, o Dickpunks ainda se mostra em uma estrada promissora, deixando o público extremamente ansioso para seus próximos passos.


2NB

Créditos: Reprodução | Donuts Culture

Formado pela Friday Entertainment, o duo 2NB fez seu debut oficial no dia 31 de março de 2006, com o single The First Fragrance. Originalmente formado por Kim Gahee e Heo Solji, ficou apenas um ano em atividade com sua line-up inicial, já que em 2007 Gahee resolveu deixar a dupla e foi substituída por Songyi.

Após a mudança de integrantes, a dupla lançou 2 álbuns. Entretanto, em 2010, Solji resolveu seguir a carreira de professora de canto e mais tarde debutou no grupo EXID, enquanto Songyi foi para a empresa Star Planet, onde mais tarde debutou no grupo Blady. Em 2016, a dupla foi renovada pela empresa Donuts Culture com duas integrantes novas. Essa dupla durou apenas 2 anos, pois Yuna também deixou a formação.

Mas desta vez não foi o fim! Hyojin, integrante do duo de 2016, decidiu que iria continuar levando o projeto para frente e ainda se apresenta sob o nome 2NB, mesmo depois de 3 anos como artista solo. Atualmente, a cantora lança trabalhos novos frequentemente, incluindo OSTs e singles, e leva o nome do grupo de 15 anos com muito orgulho!


Fontes: (1), (2), (3), (4), (5), (6), (7), (8), (9), (10), (11)
Imagens: YG, Mystic Story, Brand New Music, MBK (Reprodução)
Não retirar sem os devidos créditos.

Thainá Doble

Estudante de Rádio e TV, apaixonada por mundo pop, música, culturas novas, e Monsta X.

Você também pode gostar...