loader image

Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

K-pop

Conheça grupos de k-pop que mudaram toda a sua formação

O mundo do k-pop está em constante mudança com grupos debutando e se separando. Porém, alguns nomes resistem ao tempo e às dificuldades da fama mesmo que seus membros fiquem pelo caminho. Hoje citaremos grupos de que mudaram toda a sua formação. Alguns deles, inclusive, ainda estão ativos. Confira quais são.



24K

Formação do debut do 24K. Da esquerda para a direita: Sungoh, Seokjun, Kisu, Cory, Byungho e Daeil.

Debutados em 2012, o 24K é o único artista administrado pela Choeun Entertainment. Antes do grupo existir, houve uma sub-unit chamada 4K com Cory, Kisu, Seokjun e Sungoh que só teve um single lançado. Meses depois, Byungho e Daeil foram adicionados ao então quarteto e completaram a primeira formação do 24K.

O agora sexteto estreou com o single Hurry UP (Palliwow):



As primeiras mudanças na formação do 24K foram adição de novos membros. O grupo chegou a promover algumas faixas como septeto. As primeiras baixas começaram a ser registradas em 2015, com a saída de Byungho. A partir daí, houveram uma série de mudanças. Ao mesmo tempo em que novos integrantes chegavam e antigos iam embora, Sungoh e Daeil entravam em hiato por motivo de saúde e pessoal, respectivamente.

Em 2016, o 24K veio ao Brasil pela primeira vez com Cory, Kisu, Jeunguk, Hui, Jinhong, Hongseob e Changsun. Quando retornaram em 2018, a formação já havia mudado após a saída de Hui e a chegada do novo maknae Kiyong. Contando todas as alterações, 12 ex-membros já passaram pelo grupo, incluindo dois – Dojun e Youmin – que sequer chegaram a debutar oficialmente no grupo.

O 24K agora promove como quinteto. Das antigas formações restaram dois nomes: Changsun – o membro mais antigo e, agora, novo líder – e Kiyong. Completam a formação Youngwoong, Imchan Xiwoo. O último comeback (e debut dos novos membros) foi o single Welcome to The MAINSTREET, lançado no mês passado.

Atual formação do 24K. Da esquerda para a direita: Imchan, Kiyong, Xiwoo, Changsun e Youngwoong.


After School

Bang!, Diva, First Love… nos 10 anos em que o After School esteve ativo, estes foram apenas alguns dos sucessos que o grupo lançou. Diferente dos outros grupos da lista, porém, aqui o esquema de rotação de membros foi intencional. Enquanto novas integrantes chegavam, outras se graduavam tal qual acontece em uma escola de verdade. O planejamento do After School foi pensado por Kahi, que viraria a primeira líder e escolheu todas as outras colegas que completaram a primeira formação do grupo junto com ela: Bekah, Jungah, Soyoung e Jooyeon. O debut ocorreu em janeiro de 2009 com a faixa AH.



Já em abril, o grupo ganhava uma nova integrante, UEE, e passava a ser um sexteto. E antes do final do ano houveram mais duas mudanças com a graduação de Soyoung e a chegada de Nana e Raina.

O último lançamento do After School foi o single japonês Shh, lançado em 2014. Depois disso, o grupo entrou em um hiato e, eventualmente, deu disband de forma silenciosa em meados de 2019.



Brave Girls

E seguimos a lista com as fênix do k-pop. A ascensão ao sucesso do Brave Girls foi digna de biografias e filmes de superação. Os altos e baixos incluíram até mesmo uma mudança total em sua formação. No debut em 2011, os nomes que formavam o grupo eram Eunyoung, Seoah, Yejin, Yoojin e Hyeran. Para a ocasião, foram lançados dois singles: Do You Know e So Sexy.



O ano de 2016 foi o que parecia o início do fim do grupo. Tudo começou quando Eunyoung, Seoah e Yejin anunciaram suas saídas. Para suprir tantas baixas, cinco integrantes foram adicionadas: Minyoung, Yoojung, Eunji, Yuna e Hayun. O quinteto, então, virava um septeto. Tais mudanças não duraram muito, pois já em 2017 as duas últimas integrantes da formação original – Yoojin e Hyeran – também deixaram o grupo.

2017, porém, não foi só tristezas para o Brave Girls. Um mês após as últimas baixas, elas lançaram aquela que seria a faixa responsável pela grande guinada do grupo: Rollin’. Mas o destino ainda reservava mais uma surpresa. Um problema na tireóide fez com que Hayun também deixasse o grupo. Desde então, apenas quatro integrantes continuam.

Leia mais: Trajetória: veja a saga do Brave Girls do debut até o sucesso repentino

A recente viralização de uma compilação de diversas apresentações de Rollin’ voltou os holofotes para o grupo e deu a elas até mesmo a primeira vitória em music shows. O último lançamento do grupo foi o single Chi Mat Ba Ram, do mini-album Summer Queen.


Busters

O título de grupo mais novo em nossa lista vai para o Busters. Na ativa desde 2017, a formação original trazia Jisoo, Chaeyeon, Hyungseo, Minji e Minjung. O quinteto debutou de forma grandiosa com dois singles simultâneos – Dream On e La La La – cada um com MV dirigido por Shindong (Super Junior).



Entre saídas, chegadas de novas integrantes e hiatos, as cinco integrantes originais foram aos poucos deixando o Busters. Isso fez com que a Marbling, agência do grupo, mudasse os planos e acabasse criando uma espécie de “sub-unit”. A formação antiga ficou conhecida como Busters β (Busters Beta), enquanto as novas integrantes promoverão como Power Busters.

Leia mais: Busters passará por hiato e reorganização

Atualmente, as integrantes que formam a nova unit são JieunSeiraTakaraMinMin e Minji. O debut oficial do Power Busters ainda não aconteceu, mas fãs podem acompanhar as novidades do grupo pelas redes sociais que são atualizadas com frequência.


Rania

Primeira formação do Rania.

Durante o período em que ficou ativo – entre 2011 e 2020 – um número impressionante de 19 integrantes passaram pelo Rania. A primeira formação já começou complexa. O grupo, oficialmente, era formado por Di, Riko, Xia, Yina (que debutou com o nome artístico Saem), Tae, Joy e Jooyi; mas havia uma integrante a mais – a chinesa Yijo – que chegou a gravar sua parte em DR Feel Good mas não conseguiu promover por problemas em seu visto e acabou deixando o projeto ainda no ano do debut.



Além das mudanças de formação, o Rania também mudou seu nome. As últimas integrantes originais a deixarem o grupo – em 2016 – foram T-ae, Di e Xia. Já em 2017, o grupo passou a se chamar Rania BP (Rania Black Pearl) e agora consistia em Yina (integrante original que deixou a formação pouco depois do retorno), Yumin, ZiU, Hyeme, Jieun, TTabo e a rapper Alex.

A grande surpresa da nova era do grupo foi a adição de Alex, primeira preta a debutar no k-pop. A inovação durou até 2017, quando a estadunidense anunciou sua saída pouco depois do lançamento de Beep Beep Beep. As integrantes restantes chegaram a visitar o Brasil em 2018, infelizmente sem TTabo.

Depos de tantas mudanças, em 2020 o grupo mudou novamente de nome e virou o BLACKSWAN. Atualmente, o grupo é formado por Youngheun, Judy, a senegalesa Fatou e a brasileira Leia. Porém, a DR Music já anunciou que o próximo comeback trará novas integrantes.

Leia mais: BLACKSWAN fala sobre singularidades como grupo multicultural de K-POP

Considerando que nenhuma das atuais integrantes promoveu com o Rania, o grupo foi considerado como encerrado em 2019. Porém, o debut do BLACKSWAN marcou a transição ao batizar o primeiro mini-album de Goodbye Rania.


Fontes: (1), (2), (3), (4), (5), (6), (7), (8), (9), (10)
Imagens: Choeun Entertainment, Pledis Entertainment, Brave Entertainment, Marbling Entertainment, DR Music (divulgação)
Não retirar sem os devidos créditos.

Greyce Oliveira

Cearense de Fortaleza, é metade uma humana normal professora de Inglês e metade ELF(a) precisando (talvez) de tratamento para parar de falar no Super Junior toda hora.

5 K-Dramas com Park Seo Joon Round 6: Conheça a carreira do ator Lee Jungjae Idols de K-POP que já se vacinaram contra COVID-19 5 K-Dramas com Lee Dong Wook para você conferir Idols de K-POP trainees desde crianças