loader image

Sua principal fonte de cultura coreana e conteúdo exclusivo sobre KPOP.

Todas as garotas unidas por um sonho, debutar em um girl group. As 99 participantes lutam para terminar na line-up deste projeto global
TV

GIRLS PLANET 999: O que você precisa saber sobre o novo survival show da Mnet

O anúncio do novo survival show da Mnet foi divulgado no mês de janeiro deste ano pela própria emissora. Não demorou muito para que se especulasse como seria este novo formato de reality. A emissora é conhecida por ser responsável de outros programas de sobrevivência para formar grupos, como um dos grandes conhecidos, a franquia Produce e tem um histórico bastante polêmico. Descubra mais sobre o programa que, pelo visto, ainda vai dar o que falar no k-pop.



A franquia do Produce produziu os grupos I.O.I, Wanna One, IZ*ONE e X1, todos com carreiras curtas mas que trouxeram bastante impacto. Porém, em novembro 2019 foi descoberto um esquema de manipulação dos votos do show que levou a Mnet à justiça e manchou a imagem da emissora com o público. O sistema de privilegiar alguns participantes, além de distorcer totalmente a proposta anunciada pela emissora, prejudicou um total de 12 trainees nas quatro temporadas do programa.

Com isso, a expectativa era que a Mnet tivesse um otimizado tempo de pausa em seus programas com o estilo do Produce. Porém, este novo survival tem a grande expectativa de como a será a recepção do público e o que sua produção pode oferecer para que haja de fato um afastamento da imagem polêmica deixada pelas últimas edições feitos com a exclusividade da Mnet em sua administração.

Fonte: Mnet

Desta vez, o primeiro vídeo introdutório para o Girls Planet 999 traz consigo uma vibe cósmica para sua proposta, em cenas que mescla um cenário com referência ao sistema solar, imagens de garotas perdidas em uma floresta em meio a uma tempestade de neve e uma áurea assusta e inocente. O vídeo adianta que o intuito é para que o grupo formado a partir do programa seja global com as trainees advindas da China, Coreia do Sul e Japão.



Critérios e novas regras

Em vista deste enorme anúncio com título de global, mas escolhendo diretamente três países, é revelado alguns critérios dentro desta seleção do reality. O primeiro é que apesar desta menção aos três países, não quer dizer que será aceita apenas as nacionalidades dos respectivos países, como exemplo, se uma trainee for de nacionalidade tailandesa mas residir na China está também pode ter sua participação aceita, porém, naquele momento irá se agrupar dentro do time das trainees chinesa.

Outra novidade, é que o requisito para participantes no novo programa aconteceu de forma mais ampla, na época de inscrição estava aberto a participação de trainees independentes, agenciadas e até mesmo idols, ou seja, que já debutaram. Porém, há ressalvas como a de que seria negado o pedido de audições com mais de uma participante, assim, seria válido apenas a apresentação individual na audição mesmo que houvesse demais garotas de uma mesma empresa.


Método de votação global

Outro espaço que a Mnet abriu para incluir os fãs e telespectadores internacionais foi a votação pelo UNIVERSE, a plataforma coreana foi desenvolvida pela NCSoft, conhecida pela área de videogames, que tem ganhado espaço para o entretenimento com a proposta deste aplicativo móvel que conecta artistas, vídeos e demais conteúdos do mundo do k-pop.

A parceria entre a Mnet e o UNIVERSE promete alavancar os números de votos ao longo de toda a transmissão com a formação da line-up final. Assim, a proposta é que haja uma alternativa para que principalmente os países representados pelas trainees possam ter a participação de maneira mais democrática e a popularização ainda maior tanto da emissora quanto do aplicativo.

Ainda assim, a questão que fica é como irá ser a administração destes votos e se terá algumas normas, como peso de votos caso exista demais formas de concluir a votação, e a reflexão sobre a questão do peso maior de votantes chineses se compararmos ao número absoluto de população em relação aos outros países como a Coreia do Sul e Japão.


Divisão dos grupos de competidoras

Sabemos que são ao total 99 meninas participando da competição, sendo divididas em 33 da Coreia do Sul, 33 do Japão e 33 da China. Com isso, outra questão levantada é se existirá alguma regra de paridade das nacionalidades na line-up final. Para exemplificar melhor, pensaremos que o grupo final contará com 9 participantes, caso haja uma regra de limite em que tenha uma divisão igual no número de vagas entre cada grupo, então serão 3 garotas de cada país. Ou se estaremos diante de uma fluidez totalmente aberta como foi o caso do IZ*ONE que teve um caráter de ser um grupo nipo coreano mas que majoritariamente as integrantes tinham a nacionalidade coreana.



Apresentação e mentoria

O ator Yeo Jin-goo (de Hotel Del Luna e Beyond Evil) é o responsável pela apresentação do programa. Já as mentoras são as cantoras Sunmi e Tiffany (Girls’ Generation).

Créditos: 1st Look

Treinadores

Os treinadores, responsáveis por ajudar as participantes na preparação para suas apresentações, foram divididos entre vocal e dança.

Os Dance Masters são:
Juhee – Coreógrafa da JYP 
Baek Koo-young – Coreófrafo da SM

Vocal Masters são:
Jo Ayoung – ex-integrante do Dal Shabet
Lim Han-byul – ex-integrante do Monday Kiz


Revelação de eliminação de subgrupos e polêmicas

Em uma das prévias do programa podemos perceber que haverá uma distribuição das trainees em grupos de 3, do qual serão mistos entre as respectivas origens das participantes, cada uma representando o país do qual foi inscrita. E pelo que parece, a tarefa vai ser um novo desafio em que na avaliação de uma performance ou as três continuam na disputa ou dão adeus ao programa.

Outro momento que repercutiu muito na internet foi a ofensa da trainee chinesa Fu Yaning que, ao ser questionada se teria algo a dizer para à Yujin (CLC), fez uma referência não tão agradável a música Helicopter dizendo: “Nós vamos subir, mas você não“. O teaser então deixa muita apreensão, rivalidade e até desconforto pela atitude dita pela trainee chinesa.



Música-tema

Como é de se esperar de um programa de reality da Mnet, sempre existe uma música-tema que carrega o símbolo da edição e com essa não poderia ser diferente. Com o título de O.O.O, a canção tem um vídeo introdutório com todas as 99 participantes:



Além dessa, também foram reveladas as versões coreana:



Japonesa:



E chinesa:



Participantes

Algumas participantes são conhecidas pelo público e alguns nichos, talvez as maiores surpresas que podemos ter durante o reality seja realmente a ascensão e brilho de algumas trainees que não são tão populares mas que podem se tornar promissoras ao passo da transmissão do programa. Talvez, os rostinhos mais reconhecidos sejam a das trainees do grupo da Coreia do Sul pela maior ênfase do entretenimento pop neste momento, por isso, iremos apresentar algumas das competidoras em cada um dos seus grupos.

K-Group:

(Imagem: GirlsPlanet999 via Instagram / KpopHighIndia )

Yujin – integrante do CLC 
Jiwon – integrante do Cherry Bullet
Bahiyyih – irmã de Kai (TXT)
Kim Chaehyun – trainee da SM Entertainment
You Dayeon – intgrante do LIPBUBBLE
Seungeun – integrrante do BVNDIT
Doah – integrante do FANATICS


C-group:

Crédito: Mnet

Chiayi – integrante do FANATICS
Zhang Luofei – esteve no Youth With You 2
Xu Ziyin – também esteve no Youth With You 2
Su Ruiqi
Gu Yizhou – chamou atenção pelo seu vídeo de introdução caótico e divertido
Shen Xiaoting – integrante do CHUANG 2020
Cai Bing – integrante do KSGIRLS

J-Group:

Crédito: Mnet

Hayashi Fuko – conhecida pelos seus covers de dança
Nagai Manami – integrante do Nowa Daiko
Sakamoto Mashiro – ex-trainee da JYPE
May – integrante do Cherry Bullet
Kishida Ririka – integrante do Orange Latte
Ezaki Hikaru – participou do Nizi Project da JYPE

O primeiro episódio de Girls Planet 999 foi ao ar na última sexta (6). Já assistiu? Conta o que você achou nos comentários.

Fontes: (1), (2), (3), (4), (5), (6), (7), (8), (9)
Imagens: Mnet, 1st Look
Não retirar sem os devidos créditos

Matheus Matos

Acadêmico de Relações Internacionais, amante do jornalismo e torcendo a todo instante para que alguém fale sobre Ásia.

Performances do KPOP que usam a Língua de Sinais GIRLS PLANET 999: Conheça o novo survival show da Mnet 5 Dramas com Kim Seonho Porque Idols de KPOP debutam no Japão? 8 apresentações icônicas do KPOP